O barato saiu barato

Júlio Sodré
Esportes | Publicado em 19/02/2019 às 22:25

Foto: Meia Luquinha (ao centro) ajudou time a render mais de R$ 1 milhão ao futebol alviceleste nesta terça-feira

É pra muita gente (inclusive este que vos escreve) morder a língua! Ainda bem! Quando a diretoria anunciou que os melhores jogadores da equipe teriam o Grêmio Novorizontino (SP) como destino e o time iria iniciar 2019 com um elenco à “altura” da pobreza do Campeonato Paranaense, muitos torcedores sequer chegaram a imaginar que comemorariam tanto em pleno mês de fevereiro. Na noite desta terça-feira, o Londrina eliminou o Paraná Clube e avançou para a terceira fase da Copa do Brasil.


O nome da noite foi um jovem de apenas 18 anos. O meia Luquinha, que já havia brilhado na Copa São Paulo de Futebol Júnior ao marcar seis gols em quatro partidas, tem aproveitado as oportunidades promovidas pelo técnico Alemão. Contra o Paraná Clube, ele chamou a responsabilidade aos 47 minutos do segundo tempo, cobrou a falta e fez o gol que levou a decisão da vaga para os pênaltis. Iluminado e com personalidade forte.


A classificação rendeu R$ 1,450 milhão ao LEC. Tudo bem que os jogadores vão receber R$ 170 mil deste valor em premiações, mas ainda vai sobrar muita grana, que se junta ao outro montante de, aproximadamente, R$ 1 milhão pelas participações nas duas primeiras fases da competição. Fora de campo, este é o cenário perfeito para a diretoria alviceleste. Está dando vitrine aos jogadores experientes no Paulistão e está dando bagagem - e vitrine também - aos mais novos no Paranaense e Copa do Brasil. Tudo isso com folha salarial beeem mais baixa.


No gramado, a classificação desta terça-feira coloca mais um jogador na possível lista de aprovados do laboratório para a Série B do Brasileiro. Antes de Luquinha, já encabeçavam a lista o meia Matheus Bianqui, autor de dois gols na temporada, e o atacante Anderson Oliveira, que já desfilou boas atuações em alguns momentos e marcou um golaço memorável ao arrancar do campo de defesa no jogo contra o Americano (RJ), pela primeira fase da Copa do Brasil.


Para não falar que não existe mais pressão qualquer sobre este atual grupo de trabalho, resta apenas conseguir pontuação suficiente para se livrar matematicamente do rebaixamento no Paranaense. Até por que o técnico Alemão já sabe que não irá permanecer no cargo, os jogadores sabem que os colegas do Grêmio Novorizontino vão voltar e, além disso, Dagoberto vem aí, talvez acompanhado de outros reforços. Pela imagem que foi vendida deste elenco, já podemos afirmar: a meta está mais do que batida. O barato saiu barato! E ainda deu lucro!



Quer me seguir nas redes sociais?

facebook.com/sodrejulio

instagram.com/sodrejulio

twitter.com/sodrejulio



Relacionados

Esportes | 20-05-2019 21:31

O que o futebol do LEC pode aprender com o basquete alviceleste

O que o futebol do LEC pode aprender com o basquete alviceleste

Esportes | 16-04-2019 20:00

Com lado financeiro saudável, o ano vai “começar” para o LEC

Com lado financeiro saudável, o ano vai “começar” para o LEC

Esportes | 20-03-2019 19:04

A semana que o basquete teve mais torcida que o futebol

A semana que o basquete teve mais torcida que o futebol

Esportes | 01-02-2019 15:26

O "trem" da vida só passa uma vez...

O "trem" da vida só passa uma vez...

PUBLICIDADE