Juiz nega pedido de Tio Douglas e Jamil fica na câmara

Fernando Brevilheri
Política | Publicado em 04/10/2019 às 18:31

Mesmo Tio Douglas sendo o primeiro suplente da coligação, o juiz entendeu que a vaga é de Jamil Janene PP, segundo suplente da coligação PP-PTB.

O juiz da 2ª vara da fazenda pública Juiz Emil Gonçalves negou nesta sexta-feira (4) pedido de liminar ao mandado de segurança do vereador Douglas Pereira PTB, o Tio Douglas para reaver sua vaga na câmara de vereadores de Londrina.

Tio Douglas deixou a câmara ontem por causa do retorno de Rony Alves PTB que estava afastado pela justiça por envolvimento na operação ZR-3. Mesmo sendo o primeiro suplente da coligação, o juiz entendeu que a vaga é de Jamil Janene PP, segundo suplente da coligação PP-PTB.

Pela decisão, o entendimento é que Jamil Janene acabou assumindo a vaga de Fernando Madureira que foi chamado pelo prefeito Marcelo Belinati PP para a Fundação de Esportes de Londrina. Como Douglas licenciou-se do cargo em janeiro de 2017, para assumir a acesf (também a convite de Belinati), Jamil herdou a vaga.

A defesa de Douglas questiona essa condição e anexou no mandado judicial, cópia do documento que mostra a diplomação e a imediata licença para abraçar a superintendência da autarquia de serviços funerários.

A decisão de Marcelo nada mais foi do que uma manobra para dar a Jamil uma vaga no legislativo. O fato é que o juiz não anulou o ato do presidente da câmara Ailton Nantes, alvo do questionamento de Douglas.

Interessante questionar também o seguinte: Se Tio Douglas queria tanto seu mandato de vereador, porque aceitou então ir para a ACESF?

Situações como essas revelam a personalidade dos políticos brasileiros. Muitos fazem campanha para um cargo, pedem voto e, gastam fortunas para consegui-lo. Depois são levados pelo canto da sereia para funções executivas. Em seguida, recorrem ao judiciário para reaver o posto.

Fato é que os legisladores não têm interesse em dar um basta nisso. Para tanto, restava explicitar na lei que cargo eletivo é pra ser ocupado e não usado como moeda de troca.

Leia a decisão na íntegra:

Decisão Vereador Tio Douglas.pdf



Relacionados

Política | 19-08-2019 17:59

Câmara quer saber porque CMTU vai assumir funções do IPPUL

Câmara quer saber porque CMTU vai assumir funções do IPPUL

Política | 15-08-2019 09:36

Justiça determina afastamento do presidente da câmara de Astorga

Justiça determina afastamento do presidente da câmara de Astorga

Política | 09-08-2019 18:01

Quem são os prefeitos que mandam moradores de rua para Londrina?

Quem são os prefeitos que mandam moradores de rua para Londrina?

Política | 07-08-2019 17:40

Espaços Culturais podem evitar ocupações em prédios públicos

Espaços Culturais podem evitar ocupações em prédios públicos

PUBLICIDADE