Será que por “amor e zelo às crianças” ou para garantir faturamento ?

Paulo Martins
Política | Publicado em 06/06/2019 às 12:49

Um projeto entregue na Câmara dos Deputados pelo presidente Jair Bolsonaro quer acabar com a multas desrespeitarem regras de transporte de crianças em veículos. Mas quais são as estatísticas e como e o que o pais pensam a respeito da positividade de mudança.

De acordo com a PRF em Cascavel foram quase 200 flagrantes de motoristas que transitavam com crianças sem fazer o uso da cadeirinha. O dado é preocupante e reforça a importância da utilização do dispositivo entre crianças de 0 a 7 anos.

Hoje é  infração gravíssima circular com crianças no veículo sem o dispositivo de segurança, 7 pontos na carteira, R$ 295 reais e só sai do local de autuação se o motorista regularizar a situação. 

Mas a medida pode mudar e virar uma advertência, se caso uma proposta na Câmara dos Deputados seja aprovada. 


Comentário do Paulo Martins 

Essa senhora que colocou no foco “problema de consciência” destacou a exata realidade dessa questão...trata-se de problema de consciência mesmo e pai ou mãe, ou avô, tia, seja lá qual for grau de parentesco da criança, sendo alertados sobre a questão, certamente não irão se desviar de suas consciências...e basta manter-se campanhas de alerta nesse sentido...e, se assim é, por que  a indústria da multa do Brasil tem que também aí se abastecer, tem que abastecer sua famigerada ganância??  “advertência” – antes de qualquer coisa, como propõe o projeto, é uma das mais saudáveis indicações para que se inicie um processo de adaptação às circunstancias daqueles que precisam se adaptar à uma consciência, como destacou a entrevistada, mesmo porque, qual mãe ou pai, cientes das situações, irá se negar a proteger um filho?? 

É que, infelizmente, no Brasil se criou o lastimável status de que todos são culpados – não inocentes - de qualquer coisa...até prova em contrário e dentro dessa ditadura instalada pela esquerda durante seu reinado depravado – ao invés de civilizar-se – ao invés de modular-se a sociedade – ao invés de lapida-la em torno de bons costumes, castiga-se. É bem da esquerda mesmo. A propósito...sabiam que punhados de lobistas se espalham pelo congresso no sentido de convencer parlamentares a votarem contra o projeto de primeiro advertir? Será que por “amor e zelo às crianças” ou no sentido de garantir principalmente o faturamento da indústria ? Pensem nisso enquanto lhes convido a estarem comigo novamente logo mais às 18:40 no ponto de vista e todos os dias depois da sete hora na Tarobá Fm.



Relacionados

Política | 15-08-2019 13:01

Consumidores reclamam de não terem sido avisados dos novos vencimentos de faturas

Consumidores reclamam de não terem sido avisados dos novos vencimentos de faturas

Política | 14-08-2019 12:54

Secretária de Educação diz que não tem prazo para mais zeladoras em escolas

Secretária de Educação diz que não tem prazo para mais zeladoras em escolas

Política | 13-08-2019 12:55

'Se não fosse a Lava Jato nem resíduos teriam sido recuperados'

'Se não fosse a Lava Jato nem resíduos teriam sido recuperados'

Política | 12-08-2019 13:17

“Os senhores não tem mais nada o que fazer, não” ???

“Os senhores não tem mais nada o que fazer, não” ???