Guarani surpreende o Vitória na Fonte Nova e deixa a lanterna da Série B

Estadão Conteúdo
Futebol | Publicado em 14/09/2019 às 19:10

O retorno oficial do Vitória à Arena Fonte nova não foi nada positiva. Neste sábado, pela 22ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, o time baiano foi surpreendido pelo Guarani, perdeu por 1 a 0 e deixou para trás a invencibilidade de sete jogos - três vitórias e quatro empates. Permanece com 24 pontos, em 15º lugar, na beira da zona da degola.

De outro lado, o time paulista agora soma 22 pontos, deixa a lanterna, ganha duas posições, aparece em 18º lugar e fica perto de deixar a zona de rebaixamento. O Guarani se reabilita da derrota sofrida na última rodada quando perdeu em casa para o Oeste por 3 a 2.

O técnico Thiago Carpini, desta vez, armou o Guarani num ortodoxo esquema 4-4-2, mas que chegava ao ataque sempre com três jogadores e levava perigo ao mandante. Após um início de pressão do Vitória, as melhores chances de gol foram do time paulista.

Aos 13 minutos, Davó chutou rasteiro e o goleiro Martin Rodriguez espalmou. O gol saiu aos 24 minutos, quando Thallyson desceu pelo lado esquerdo e cruzou em direção à pequena área. O atacante Michel Douglas se antecipou à marcação e desviou para as redes.

O Guarani quase ampliou com Lucas Crispim que avançou pelo lado esquerdo e soltou a bomba que explodiu na trave direita do goleiro aos 29 minutos. O Vitória não acertou nas finalizações e acabou debaixo de muitas vaias no intervalo.

No reinício do segundo tempo, o Vitória foi todo ao ataque, mas o Guarani se manteve firme no sistema defensivo. Uma clara demonstração que jogaria apenas para manter a vantagem no placar.

Anselmo Ramon chutou cruzado, mas para fora, perto da trave aos sete minutos. Chance mais real saiu aos 25 minutos, quando Wesley invadiu a área e acabou bloqueado pela saída rápida do goleiro Klever.

Aos 27 minutos o goleiro espalmou a cabeçada de Everton Sena, que subiu mais do que os zagueiros. A tarde era mesmo de Klever que não alcançou o chute rasteiro de Wesley, de fora da área, mas a bola tocou no pé da trave e saiu.

O técnico Carlos Amadeu tentou de tudo para dar força ofensiva ao time. Tirou os volantes Baraka e Rodrigo Andrade para as entradas de Eron e Felipe Garcia. Mas de nada adiantou. O Vitória não se encontrava em campo, bem ao contrário do que seus dirigentes esperavam.

O time retornou à Fonte Nova, justamente, para aumentar a presença de sua torcida que não gosta muito de ir ao longínquo Barradão, com média de cinco mil torcedores. Desta vez contou com a presença de quase 18 mil torcedores, que vaiaram muito o time ao final do jogo.

Nos acréscimos, Felipe Gedoz perdeu a cabeça, fez falta violenta sobre Lenon e acabou expulso. O técnico Carlos Amadeu sofreu sua primeira derrota no comando do Vitória. Ele tentou mudar o time com as trocas, mas em todas trocou a torcida vaiou.

Na próxima rodada, o Vitória vai tentar a sua reabilitação contra o São Bento já na terça-feira, às 19h15, na cidade de Sorocaba no interior paulista. O Guarani vai tentar sair da zona de degola. No próximo sábado vai receber o Paraná, a partir das 11 horas, no estádio Brinco de Ouro da Princesa.

FICHA TÉCNICA:

VITÓRIA 0 x 1 GUARANI

VITÓRIA - Martín Rodriguez; Van, Everton Sena, Ramon e Chiquinho; Baraka (Eron), Rodrigo Andrade (Felipe Garcia), Lucas Cândido e Felipe Gedoz; Wesley e Anselmo Ramon (Jordy Caicedo). Técnico: Carlos Amadeu.

GUARANI - Klever; Lenon, Luiz Gustavo, Diego Giaretta e Thallyson; Deivid, Igor Henrique, Lucas Crispim (Felipe Guedes) e Arthur Rezende; Davó (Deivid Souza) e Michel Douglas (Nando). Técnico: Thiago Carpini.

GOL - Michel Douglas, aos 24 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Denis da Silva Ribeiro Serafim (AL).

CARTÕES AMARELOS - Lucas Cândido (Vitória). Thallyson, Lucas Crispim, Felipe Guedes e Luiz Gustavo (Guarani).

CARTÃO VERMELHO - Felipe Gedoz (Vitória).

RENDA - R$ 492.073,50

PÚBLICO - 17.531 pagantes (17.981 no total).

LOCAL - Arena Fonte Nova, em Salvador (BA).



Relacionados

Futebol | 15-11-2019 16:55

Palmeirense, Bolsonaro diz não temer ser hostilizado por santistas na Vila

Palmeirense, Bolsonaro diz não temer ser hostilizado por santistas na Vila

Futebol | 15-11-2019 16:25

Jesus perde pênalti, Messi volta com gol e Argentina amplia o jejum do Brasil

Jesus perde pênalti, Messi volta com gol e Argentina amplia o jejum do Brasil

Futebol | 15-11-2019 13:50

Flamengo comemora 124 anos com missa e inauguração de busto do ex-atacante Nunes

Flamengo comemora 124 anos com missa e inauguração de busto do ex-atacante Nunes

Futebol | 15-11-2019 13:10

Provável titular, Tailson minimiza derrotas do São Paulo: 'Clássico é diferente'

Provável titular, Tailson minimiza derrotas do São Paulo: 'Clássico é diferente'