Djokovic vai às quartas em Cincinnati; Melo vence e Soares ganha duelo

Estadão Conteúdo
Tênis | Publicado em 15/08/2019 às 22:55

No jogo que fechou a programação noturna desta quinta-feira na chave de simples do Masters 1000 de Cincinnati, Novak Djokovic venceu o espanhol Pablo Carreño Busta por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4, e garantiu vaga nas quartas de final do importante torneio norte-americano realizado em quadras duras nos Estados Unidos.

Líder do ranking mundial, o tenista sérvio se credenciou para enfrentar nesta sexta-feira o francês Lucas Pouille, que em outro duelo do dia desbancou o favoritismo do russo Karen Krachanov, oitavo cabeça de chave, com um triunfo de virada. Ele ganhou com parciais de 6/7 (3/7), 6/4 e 6/2 para assegurar a chance de desafiar o principal pré-classificado.

Atual campeão em Cincinnati, Djokovic conquistou nesta quinta-feira a sua terceira vitória em três jogos com Carreño Busta, atual 53º colocado da ATP, que anteriormente foi superado pelo adversário por duas vezes no Masters 1000 de Montecarlo, em 2014 e 2017, em ambas ocasiões no piso de saibro.

Já contra Pouille, hoje o 31º tenista do mundo, o sérvio jogou apenas uma vez, na semifinal do Aberto da Austrália deste ano, em janeiro, quando arrasou o adversário com parciais de 6/0, 6/2 e 6/2.

DUPLAS - O dia de disputas do torneio de duplas do Masters de Cincinnati contou com a presença de três tenistas brasileiros em quadra. Um deles foi Marcelo Melo, que ao lado do polonês Lukasz Kubot justificou a condição de segundo cabeça de chave ao vencer o chileno Cristian Garin e o francês Benoit Paire por 6/4 e 6/3.

Com o triunfo, a parceria avançou às quartas de final e terá como próximos adversários o croata Ivan Dodig e o eslovaco Filip Polasek, que na segunda rodada fizeram bonito com uma vitória sobre os irmãos norte-americanos Bob e Mike Bryan, por 6/4 e 6/2, na última quarta-feira.

Outro tenista do País que se classificou às quartas de final nesta quinta foi Bruno Soares. Cabeça de chave número 6 ao lado do croata Mate Pavic, ele levou a melhor no duelo brasileiro que travou com Marcelo Demoliner, que junto com o russo Daniil Medvedev foi superado com parciais de 7/5 e 7/6 (7/5).

A vitória sobre o seu compatriota e o tenista da Rússia credenciou Soares e seu parceiro a encararem na próxima fase o sul-africano Raven Klaasen e o neozelandês Michael Venus, que na quarta-feira bateram o norte-americano Austin Krajicek e o francês Edouard Roger-Vasselin por duplo 6/4.

Em outro duelo do dia pelas duplas, o britânico Andy Murray, ex-líder do ranking mundial, e o espanhol Feliciano López também foram às quartas de final ao vencerem os tenistas da casa Ryan Harrison e Jack Sock, de virada, com 2/6, 6/3 e 10/7.



Relacionados

Tênis | 05-11-2019 12:55

Djokovic e Federer caem no mesmo grupo do ATP Finals; Nadal estreia contra Zverev

Djokovic e Federer caem no mesmo grupo do ATP Finals; Nadal estreia contra Zverev

Tênis | 05-11-2019 10:15

Após passar por exames, Nadal viaja a Londres e defenderá número 1 no ATP Finals

Após passar por exames, Nadal viaja a Londres e defenderá número 1 no ATP Finals

Tênis | 02-11-2019 14:20

Nadal sofre lesão em aquecimento e desiste antes de semifinal em Paris

Nadal sofre lesão em aquecimento e desiste antes de semifinal em Paris

Tênis | 01-11-2019 20:20

Nadal supera Tsonga e avança para encarar algoz de Monfils na semifinal em Paris

Nadal supera Tsonga e avança para encarar algoz de Monfils na semifinal em Paris