Policial militar suspeito de disparo contra Fórum de Ponte Serrada é afastado

Redação Tarobá News
Brasil | Publicado em 12/09/2019 às 14:01

O juiz da comarca de Ponte Serrada, Oeste de Santa Catarina, Luciano Fernandes da Silva, determinou o afastamento cautelar de um policial militar de suas funções junto à corporação. O PM é suspeito de ter efetuado um disparo de arma de fogo contra o Fórum do Tribunal de Justiça no último final de semana.

Em sua decisão, o magistrado observa que “o disparo percorreu a via pública e poderia ter encontrado como alvo algum transeunte ou servidor lotado neste juízo, por exemplo, causando prejuízos irreparáveis, o que felizmente não ocorreu”.

De acordo com o juiz, na casa do policial foram encontradas e recolhidas para perícia três armas de fogo — a pistola da corporação, um revólver de calibre 38 e um rifle de calibre 22.

O PM já foi condenado pelo crime de disparo de arma de fogo em outra ocasião, em outubro de 2018. A condenação previa pena privativa de liberdade de dois anos e quatro meses de reclusão, cumprida inicialmente em regime semiaberto, além de dez dias-multa no valor equivalente a um trigésimo do salário mínimo. Um recurso sobre a sentença já foi apresentado ao Tribunal de Justiça de Santa Catarina.

Ao portal OesteMais,  o comandante da 4ª Companhia da Polícia Militar de Xanxerê, capitão Vilte dos Santos, disse já ter sido notificado da decisão de afastamento do soldado. Informou que o policial está em período de férias e deve retornar ao trabalho no final de semana, quando será cumprida a determinação judicial.

Fonte: RBJ



Relacionados

Brasil | 17-09-2019 18:50

Pontes quer R$ 250 milhões do fundo da Lava Jato para ações da pasta em 2020

Pontes quer R$ 250 milhões do fundo da Lava Jato para ações da pasta em 2020

Brasil | 17-09-2019 15:35

Raquel pede suspensão de 'Escola Sem Partido' no Paraná

Raquel pede suspensão de 'Escola Sem Partido' no Paraná

Brasil | 17-09-2019 14:50

Bolsonaro participa de cerimônia para sanção de posse de arma em áreas rurais

Bolsonaro participa de cerimônia para sanção de posse de arma em áreas rurais

Brasil | 17-09-2019 12:10

Estética pode afetar cirurgia de câncer

Estética pode afetar cirurgia de câncer

PUBLICIDADE