Prefeitura entrega presentes para o Natal dos Correios

Redação Tarobá News
Cotidiano | Publicado em 07/12/2019 às 17:55

Foto: N.Com

Nesta quinta-feira (5), os servidores municipais de Londrina fizeram a entrega oficial dos presentes doados à Campanha Papai Noel dos Correios. A solenidade foi no auditório da Prefeitura, no segundo piso da sede administrativa, na Avenida Duque de Caxias, 635, Centro Cívico.

De acordo com a secretária municipal de Recursos Humanos, Adriana Martello Valero, 200 cartinhas foram adotadas nesta edição, sendo que, no ano anterior, foram adotadas 105 cartinhas e, em 2017, foram 90. “Nos três anos de participação, dobramos o número de cartinhas adotadas e isso nos deixa muito felizes, porque sabemos que todas foram escolhidas com muito amor e atenção”, disse.

A intenção é que a campanha continue nos próximos anos e, segundo o diretor  de Desenvolvimento Humano (DDH) da Secretaria Municipal de Recursos Humanos (SMRH), Lucas Rigo, além de ajudar as crianças das escolas municipais da zona rural, o ato aflora nos servidores o sentimento natalino de amor, doação e compaixão. “A reciprocidade desse ato é muito bonita, por isso precisamos agradecer aos Correios por manter viva a cultura natalina, quando  existe esse momento de doação, empatia, humanidade e de união, fazendo muitas crianças felizes”, destacou.

Este ano, a campanha recebeu 5.200 cartinhas dos alunos de 18 escolas municipais da zona rural de Londrina. Com isso, locais como o assentamento Eli Vivi I e II, distritos de Paiquerê, do Espírito Santo, Guaravera, Irerê, Lerroville, Maravilha, São Luiz e Warta, Três Bocas, Limoeiro, Selva, Patrimônio Heimtal, Patrimônio Regina e Guairacá foram contemplados. Destas, apenas 170 cartas não haviam sido adotadas até a manhã desta quinta-feira (6), quando um padrinho doou 180 presentes. Com isso, 100% das cartinhas de Natal das crianças carentes foram adotadas e todas receberão seus presentes.

Entre os presentes mais comuns estavam bonecas, bolas e roupas, mas outros como, material escolar, cesta básica, refrigerante, uma caixa de bombom e até material de construção para reforma de casa também foram pedidos pelas crianças. “Adotei duas cartas, mas uma me tocou mais. Foi de um menino que pediu um caminhão de brinquedo, que tinha na venda do Distrito e uma roupinha para o sobrinho que ia nascer. Chorei quando li, porque já trabalhei com criança e adolescente da zona rural e isso me levou a ver a delicadeza dessa criança, o amor por aquele que vai nascer e a humildade do pedido. Isso é gratificante para quem ajuda”, disse a servidora participante da campanha, Jeane Buzzo Costa.

Segundo o coordenador da campanha dos Correios em Londrina, Antonio Augusto Ferreira Santos, a ideia da parceria com a Prefeitura de Londrina, por meio da Secretaria Municipal de Educação, surgiu em um período em que os carteiros não sabiam como solucionar um problema comum, que era a entrega de vários presentes para a mesma criança, quando outras ficavam sem receber nenhum.

Assim, seguindo uma recomendação do Ministério Público do Paraná, que orientou os Correios a não passarem mais os endereços físicos dos menores de idade, a fim de preservá-los e protegê-los de possíveis violações de direitos, surgiu a ideia da parceria. “Se não tivéssemos feito a parceria com a Secretaria de Educação, certamente hoje não teríamos mais como realizar a campanha, porque estávamos com muitas dificuldades para entregarmos as cartas. Agora, nós distribuímos as cartas dos alunos da rede municipal e entregamos os presentes diretamente nas escolas. Com isso, não há exposição das crianças e todas são contempladas. Eu faço dessa campanha o meu Natal”, disse Santos.

No fim de ano, os trabalhos dos carteiros aumentam, em média, 60% por conta da Operação de Fim de Ano (quando as compras pela internet e lojas físicas crescem) e do Black Friday, que concede descontos que atrair mais cliente e consumidores, simultaneamente. Porém, mesmo assim, é gratificante para eles que organizam também a ação. “Para nós dos Correios há dois pontos altos da campanha: quando a última carta é adotada e quando o último presente volta e é entregue! É uma campanha maravilhosa que pretendemos aumentar a todo ano”, afirmou o gerente regional dos Correios de Londrina, Flávio Scanavez.

Em Londrina, 80% dos adotantes de cartas da campanha do Papai Noel são funcionários públicos da Prefeitura, da Câmara Municipal, do Fórum, das Forças de Segurança, dos Correios e outros órgãos públicos. O restante divide-se entre empresários e a comunidade em geral.

Para a imprensa: outras informações podem ser obtidas com o coordenador da campanha em Londrina, Antonio Augusto Ferreira Santos, pelo 3377-5190.

N.Com



Relacionados

Ampére | 25-01-2020 09:37

Morre homem picado por cobra em Ampére

Morre homem picado por cobra em Ampére

Cascavel | 25-01-2020 09:24

Secretaria de Meio Ambiente multou 300 terrenos baldios em 2020

Secretaria de Meio Ambiente multou 300 terrenos baldios em 2020

Cascavel | 24-01-2020 21:42

Obras do Terminal Leste devem ser entregues em março

Obras do Terminal Leste devem ser entregues em março

Cascavel | 24-01-2020 20:07

Depósito de lixo em terrenos baldios preocupa moradores

Depósito de lixo em terrenos baldios preocupa moradores

PUBLICIDADE