Reforma administrativa tem de ser enviada logo no início do ano, diz Maia

Estadão Conteúdo
Economia | Publicado em 12/12/2019 às 18:00

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou que a reforma administrativa precisa ser enviada pelo governo ainda no início do próximo ano. A estimativa dele é de que isso seja feito talvez até o fim de janeiro.

"Nós já temos a nossa bem encaminhada", disse ele.

Maia afirmou que a casa já fez um mapeamento da situação administrativa do Congresso. "Tem mais de 4 mil funções. Até para colocar broche tem uma estrutura montada. Um desperdício de dinheiro público."

O presidente da Câmara cobrou o governo para que ele encaminhe a sua proposta. "A estrutura salarial que foi construída no Congresso, dos servidores, não é diferente do Judiciário e Executivo. É importante que se construa uma reforma dos três poderes."

Questionado sobre o cronograma de pautas para o ano que vem, que será eleitoral e, por consequência, mais curto, Maia afirmou que os projetos já estão dados. Ele citou a própria reforma tributária que, segundo ele está caminhando.

Maia deu entrevista nesta quinta-feira, em Genebra, após participar de reunião na Organização Mundial do Comércio (OMC) com o Diretor-Geral da organização, o embaixador brasileiro Roberto Azevedo.

O deputado tem uma extensa agenda com autoridades em Genebra na sexta-feira.



Relacionados

Economia | 23-01-2020 12:45

Investidor estrangeiro retira R$ 1,597 bilhão da B3 no dia 21

Investidor estrangeiro retira R$ 1,597 bilhão da B3 no dia 21

Londrina | 23-01-2020 11:46

Londrina arrecada R$ 8 mi com ISS em período de festas

Londrina arrecada R$ 8 mi com ISS em período de festas

Economia | 23-01-2020 10:25

IPCA-15 de janeiro é o maior para o mês desde 2016, revela IBGE

IPCA-15 de janeiro é o maior para o mês desde 2016, revela IBGE

Economia | 23-01-2020 10:00

Taxas futuras de juros se ajustam em alta após IPCA-15 e com dólar

Taxas futuras de juros se ajustam em alta após IPCA-15 e com dólar