Presidente do Paraguai quer um presidio exclusivo para o PCC

Redação Tarobá News
Mundo | Publicado em 09/09/2019 às 08:56

GDia

Poucos dias depois de enviar ao Congresso um projeto para que as Forças Armadas possam ir às ruas combater o crime organizado, o presidente paraguaio anunciou sua intenção de construir um presídio de segurança máxima para enjaular os bandidos do PCC.

Há alguns anos, o Primeiro Comando da Capital montou uma base forte no Paraguai para dominar algumas cidades fronteiriças e liderar o tráfico de armas e de drogas, assassinatos e roubos a bancos e a carros-fortes. A primeira grande ação do PCC foi a execução do "rei da fronteira", Jorge Rafaat, com metralhadora de guerra. Depois foi o assalto à Prosegur.

Dali pra frente, o Primeiro Comando da Capital e o Comando Vermelho foram alastrando-se pelo país vizinho, chegando a dominar algumas penitenciárias. Passaram a recrutar prisioneiros paraguaios e a promover assassinatos em massa das gangues paraguaias que não queriam curvar-se a seus domínios. Foi assim com membros do Clã Rotela — mortos, degolados e queimados dentro de uma penitenciária. 


Fonte: GDia - Adelino de Souza



Relacionados

Mundo | 21-10-2019 08:15

Protestos violentos no Chile deixam 7 mortos

Protestos violentos no Chile deixam 7 mortos

Mundo | 20-10-2019 20:35

Protestos no Chile são os mais violentos desde a redemocratização

Protestos no Chile são os mais violentos desde a redemocratização

Mundo | 20-10-2019 20:25

Trump cancela plano de receber G7 no seu resort de golfe em Doral, na Flórida

Trump cancela plano de receber G7 no seu resort de golfe em Doral, na Flórida

Mundo | 20-10-2019 20:10

Cumprindo parte do cessar-fogo, forças curdas deixam área na fronteira da Síria

Cumprindo parte do cessar-fogo, forças curdas deixam área na fronteira da Síria