Polícia investiga possibilidade de ligação entre dois homicídios no centro de Londrina

Murilo Pajolla
Policial | Publicado em 22/10/2019 às 17:03

Ambas as vítimas foram encontradas com sinais de enforcamento, em locais públicos do centro de Londrina (Imagens: reprodução/Facebook)

No intervalo de 10 dias, foram registrados dois casos semelhantes de homicídio em Londrina. As vítimas eram homens que morreram durante a madrugada, tinham sinais de enforcamento e foram deixados em locais públicos no centro onde costumam funcionar pontos de prostituição e tráfico de drogas. A Polícia Civil, no entanto, diz que ainda não há evidências que liguem os dois crimes. 

LEIA MAIS:

"A princípio há a notícia de que eram homossexuais, ou pelo menos conviviam em um meio relacionado", aponta o delegado chefe da 10ª Subdivisão Policial Osmir Ferreira.

"Há algumas semelhanças na execução dos crimes e no perfil das vitimas. Os locais onde os corpos foram encontrados são ambiente de usuários de drogas e de orientação sexual semelhante", destacou Ferreira. 

Os casos 

O primeiro caso foi de um chef de cozinha de 49 anos, encontrado na manhã do dia 14 de outubro no bosque central, perto da catedral de Londrina. O corpo estava com um cadarço enrolado no pescoço e sinais de lesão na cabeça. Na noite anterior, testemunhas disseram que ele havia participado da Parada LGBT no Zerão, também área central da cidade. A identidade dele foi preservada a pedido da família. 

Nesta terça-feira (22), o corpo de Hannan Silva de 21 anos foi encontrado na praça Rocha Pombo, perto do terminal central. Ele também possuía sinais de enforcamento, e uma corda foi localizada perto do cadáver, que estava embaixo de um banco. A vítima trabalhava em um shopping na zona leste e estava prestando vestibular na UEL. 

Investigações em fase inicial 

Segundo o delegado chefe da 10ª SDP, "num primeiro momento, não é possível vincular os dois casos". Ele afirmou que as investigações ainda dependem de laudos produzidos pelo Instituto Médico Legal (IML), mas não descartou que ambos os homicídios estejam relacionados. "Estamos levantando as evidências sem descartar nenhuma possibilidade". A fase de depoimento de testemunhas ainda não começou para nenhum dos casos. Imagens das câmeras de segurança serão analisadas. 



Relacionados

Cascavel | 15-12-2019 15:03

Neto é preso após bater em avó no Santa Felicidade

Neto é preso após bater em avó no Santa Felicidade

Medianeira | 15-12-2019 14:28

Jovem morre após se envolver em briga em festa de formatura

Jovem morre após se envolver em briga em festa de formatura

Piraquara | 15-12-2019 13:40

Morte de PM em confronto gera comoção nas redes sociais

Morte de PM em confronto gera comoção nas redes sociais

Cianorte | 15-12-2019 11:40

Corpo de mulher é encontrado em propriedade rural

Corpo de mulher é encontrado em propriedade rural

PUBLICIDADE