Linha 4

Publicidade

FC Cascavel enfrenta o Novorizontino neste sábado pela Série D

Luciano Neves

O FC Cascavel volta a enfrentar o Novorizontino neste sábado. Foto Felipe Fachini

Faltam apenas cinco jogos para o FC Cascavel conquistar o acesso à Série C do Campeonato Brasileiro. A Serpente Aurinegra precisa consumar a classificação para as oitavas de final e depois avançar para as quartas de final. Se passar por todas essas etapas e alcançar as semifinais da Série D do Campeonato Brasileiro, o time estará na terceira divisão nacional em 2021. O caminho parece tão curto, mas o clube evita esse clima de contagem regressiva. Até porque, a Serpente Aurinegra terá difíceis obstáculos até lá. E prefere subir um degrau de cada vez. No primeiro degrau dessa ‘escadaria’, o time teve sucesso e derrotou o Novorizontino por 1 a 0, no sábado passado. Uma semana depois, a equipe quer subir um novo degrau. Para isso, basta segurar o Novorizontino na partida de volta da segunda fase. O confronto será neste sábado (12), às 16 horas, no Estádio Jorge Ismael Biasi, em Novo Horizonte. O FC Cascavel nem precisa ganhar a partida. Só não pode ser derrotado. A vitória no jogo de ida no Estádio Olímpico deixou o time com a vantagem do empate. A equipe paulista precisa de uma vitória por dois gols de diferença para se classificar. Ou se devolver o placar leva a decisão para os pênaltis.

Marcelo Caranhato, técnico do FC Cascavel. Foto Luciano Neves Marcelo Caranhato, técnico do FC Cascavel. Foto Luciano Neves

O FC Cascavel irá enfrentar uma equipe que ainda está invicta dentro de casa nesta Série D. O Novorizontino fez cinco jogos na primeira fase, com cinco vitórias e dois empates. E teve placares apertados. A vitória mais avantajada foi um 2 a 0 sobre o São Caetano. O Novorizontino é um time que não fez muitos gols na competição e balançou as redes apenas 17 vezes em 15 jogos. Porém, se notabilizou pelo ferrolho defensivo. O time sofreu apenas oito gols na competição. Essa característica ficou evidente no jogo de ida quando teve um jogador expulso e dificultou as ações ofensivas da equipe de de Marcelo Caranhato. Tanto é que o Novorizontino só foi vazado com um gol de pênalti, no fim do embate. Caranhato espera que o time paulista adote uma postura mais ofensiva em virtude da necessidade da vitória. E o FC Cascavel pode tirar proveito dessa situação. “Até pela questão da vantagem que a gente fez no primeiro jogo. Estamos esperando um adversário bem mais agressivo, mais ofensivo e tendo que propor o jogo. Eu sempre falo que o futebol é um ‘cobertor curto’. A equipe que ataca bastante acaba se expondo e deixando espaço para ser contra-atacada. E se você só se defender acaba atraindo o adversário para o seu próprio campo. Então este será um jogo de equilíbrio, de regularidade, e que a gente ter competência e eficiência para passar de fase”, disse o treinador.

Números

Na Série D, o FC Cascavel apresenta uma campanha bem equilibrada. O time de Marcelo Caranhato fez 15 partidas com oito vitórias, três empates e quatro derrotas, um aproveitamento de 60%. O ataque balançou as redes 25 vezes e a defesa sofreu apenas 16 gols. Um ponto positivo que faz o torcedor acreditar na classificação é a solidez do setor defensivo, que não foi vazado nos últimos três jogos na competição. Nessa sequência, o FC Cascavel venceu o Bangu por 3 a 0, superou a Cabofriense por 1 a 0 e repetiu esse placar contra o Novorizontino no sábado passado.

Na temporada de 2020, a Serpente Aurinegra chegou a 30 partidas. Foram 15 jogos pelo Campeonato Paranaense e o time concluiu a competição em terceiro lugar.

Na Série D, a equipe de Caranhato já entrou em campo outras 15 vezes. Dos 30 jogos disputados, a Serpente Aurinegra coleciona 17 vitórias, seis empates e apenas sete derrotas. Entre os números também vale destacar os 54 gols marcados ao longo do ano, uma média de 1,8 por jogo.

Caranhato, que está no comando da equipe há um ano e dois meses, fez um resumo da temporada até aqui. “Se tratando do Estadual, próximo de 80% de aproveitamento em casa, e bons números jogando fora. Isso nos levou à vaga para a Série D e Copa do Brasil de 2021, e também ao título simbólico de campeão do interior. E agora estamos coroando esse ano com este segundo semestre, fazendo uma campanha muito regular e que possibilitou a classificação para o mata-mata do Brasileiro”, completou.

Os artigos dos blogs não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor do texto.

COMENTÁRIOS

Publicidade

Publicidade