Os dois lados de um resultado igual

Luciano Neves
Esportes | Publicado em 12/06/2019 às 22:30

É possível que o torcedor do Cascavel Futsal tenha ficado insatisfeito com o empate em 1 a 1 diante do Pato Futsal, no ginásio da Neva. O primeiro motivo para isso, lógico, é o fato de deixar escapar a chance de se tornar líder do Campeonato Paranaense da Chave Ouro. Uma vitória em casa colocaria a Serpente Tricolor na ponta da tabela. Vale lembrar que esta mesma possibilidade de reassumir a ponta se ofereceu na rodada passada, quando o time empatou com o Ampére em 2 a 2 como visitante. Aliás, este seria outro motivo da instatisfação da torcida. Depois de vencer oito partidas consecutivas no Estadual, o time de Cassiano Klein completou o quarto jogo sem vitória na Chave Ouro com o empate diante do Pato. Sem contar que o time está prestes a completar dois anos sem vencer o rival de Pato Branco. Na postagem anterior, lembrei que a última vitória do Cascavel Futsal sobre o Pato ocorreu no dia 18 de julho de 2017, um 3 a 1 no ginásio da Neva. De lá para cá, são cinco jogos oficiais de jejum e mais quatro amistosos. Nesses nove jogos, são sete derrotas e dois empates.

Mas a Serpente Tricolor tem motivos para comemorar o empate. Foi um resultado construído diante de um dos melhores times do Estado, líder da Chave Ouro, e atual campeão da Liga Nacional. Foi esse mesmo Pato que saiu na frente no jogo do ginásio da Neva, na noite desta quarta-feira (12), pelo Estadual. Vilian marcou para o líder da competição.

O prejuízo em caso de uma derrota em casa seria imenso. O Cascavel Futsal, que chegou a liderar a Chave Ouro, viria seu concorrente direto abrir quatro pontos de vantagem. Mas na base da vontade, Parrel empatou o jogo no segundo tempo. Ele tem motivos para comemorar. Afinal de contas, fez o sexto gol no Estadual. Parrel passou a dividir a artilharia do time na Chave Ouro com Humberto e Roni.

O empate manteve o Pato na liderança da Chave Ouro com 28 pontos, com o Cascavel Futsal coladinho na segunda posição com 27 pontos. Os dois times vão continuar brigando ponto a ponto na tabela até o fim dessa fase.

O Cascavel Futsal agora quer seguir pontuando na Liga Nacional. O time conquistou três vitórias seguidas no torneio e, no domingo (16), tem outro clássico pela frente e pega o Marechal, no ginásio Ney Braga. Um empate fora de casa será considerado um bom resultado. Mas uma vitória no clássico como visitante provocará uma comemoração de 100% da torcida da Serpente Tricolor.

Classificação

TIME

P

J

V

E

D

GP

GC

S

1 Pato Futsal

28

12

9

1

2

43

17

26

2 Cascavel

27

12

8

3

1

39

15

24

3 Foz Cataratas

26

11

8

2

1

40

19

21

4 C. Mourão

25

13

8

1

4

49

27

22

5 Marechal

24

12

7

3

2

39

18

21

6 Marreco

23

12

7

2

3

37

32

5

7 Dois Vizinhos

19

12

6

1

5

31

31

0

8 Umuarama

17

12

5

2

5

32

32

0

9 Toledo

14

12

4

2

6

29

30

-1

10 Ampére

10

13

2

4

7

21

39

-18

11 Palmas

9

12

2

3

7

28

40

-12

12 São José

9

12

2

3

7

34

53

-19

13 Matelândia

5

12

1

2

9

26

53

-27

14 São Lucas

4

13

1

1

11

23

65

-42



Relacionados

Esportes | 06-09-2019 14:29

Cascavel Futsal fica só na expectativa na Liga Nacional

Cascavel Futsal fica só na expectativa na Liga Nacional

Esportes | 06-09-2019 11:09

A inclusão no esporte por meio do Taekwondo

A inclusão no esporte por meio do Taekwondo

Esportes | 05-09-2019 18:46

Um campeão olímpico nos Jogos Escolares da Juventude

Um campeão olímpico nos Jogos Escolares da Juventude

Esportes | 31-08-2019 09:50

A força da Serpente Tricolor no 'novo ninho'

A força da Serpente Tricolor no 'novo ninho'

PUBLICIDADE