Sidiclei comanda a Serpente Aurinegra contra o Azulão no Sub-19

Luciano Neves
Esportes | Publicado em 14/09/2018 às 11:46

O Futebol Clube Cascavel (FCC) faz o ‘jogo do ano’ neste sábado pelo Campeonato Paranaense Sub-19. O time enfrenta o Foz do Iguaçu, às 15 horas, no CT Triângulo, pela última rodada da segunda fase. O detalhe é que a equipe não depende só de si para se classificar para a terceira fase da competição. O primeiro passo é vencer o Azulão. O time da fronteira é o lanterna do Grupo D e não tem mais chances de classificação. O FCC ocupa a terceira posição com seis pontos. Para seguir vivo no torneio, a Serpente Aurinegra precisa de uma ajuda do Maringá, que visita o Paraná Clube, em Curitiba, no mesmo horário. Se o já classificado Maringá vencer, a Serpente Aurinegra precisa de uma vitória simples.

Se o Maringá conseguir pelo menos empate na Capital, o FCC precisa golear o Foz por quatro gols de diferença para ter vantagem no saldo de gols.

Este será o quarto duelo entre FCC e Foz do Iguaçu no Campeonato Paranaense Sub-19. Os dois times se encontraram na abertura do torneio, no dia 29 de abril e a Serpente Aurinegra goleou o rival por 5 a 1, lá na fronteira. Depois, no returno da primeira fase, no dia 23 de junho, nova vitória cascavelense por 3 a 1. No jogo que abriu a segunda fase, no dia 11 de agosto, o FCC aplicou uma goleada de 7 a 1 sobre o oponente da fronteira.

Novidade

O jogo deste sábado terá várias novidades no FCC. A principal delas será no banco de reservas: Sidiclei assume a equipe Sub-19 com o intuito de classificar o time para a próxima fase. No jogo passado, no empate em 1 a 1 com o Maringá, ele apenas acompanhou a partida. Agora, é ele quem vai dirigir o time. No entanto, Sidiclei destaca que terá o suporte de Edu Sales, que comandou a equipe de maneira interina nos dois últimos jogos. “Fico feliz de voltar para o FCC para assumir o time Sub-19. O professor Edu ainda está comigo. Ele conhece bem os jogadores e isso me facilita muito. Infelizmente não conseguimos o resultado contra o Maringá. Fizemos um bom primeiro tempo, criamos várias chances de gol, mas não conseguimos vencer, que era o nosso objetivo. Mas ainda temos esperança e temos que fazer a nossa parte. Imagina se o Paraná perde lá (para o Maringá) e nós não conseguirmos vencer o Foz do Iguaçu. Estamos pensando em ir lá, jogar nosso futebol e buscar o primeiro gol. Depois o resto é consequência”, disse Sidiclei.

O treinador tem um desfalque importante e não poderá contar com o capitão Robinho, que está suspenso. Mas Sidiclei ganhou dois bons reforços para este jogo decisivo. Denilson e Chininha, que foram importantes na campanha do vice-campeonato do ano passado com o clube, podem fazer a reestreia contra o Foz. Os dois atletas voltaram de empréstimo do Fortaleza e estão regularizados.



Relacionados

Esportes | 20-09-2018 14:33

Muito mais que uma decisão para o Cascavel Futsal

Muito mais que uma decisão para o Cascavel Futsal

Esportes | 18-09-2018 12:25

Arbitral define os grupos do Campeonato Municipal de futsal

Arbitral define os grupos do Campeonato Municipal de futsal

Esportes | 12-09-2018 18:42

Remar pela vaga no Pan-Americano

Remar pela vaga no Pan-Americano

Esportes | 11-09-2018 12:39

O repetido discurso da Serpente Tricolor

O repetido discurso da Serpente Tricolor

PUBLICIDADE