Rony e Takahashi podem enfrentar mais um julgamento na Câmara

Fernando Brevilheri
Política | Publicado em 15/02/2019 às 17:19

Os vereadores afastados Rony Alves PTB e Mario Takahashi PV podem ser submetidos a novo julgamento político na câmara.

Ambos são alvos de pedidos de cassação formulados pelo deputado federal Emerson Petriv (PROS) e pelo operador de máquinas Fabio Gomes que integra o movimento contra a corrupção.

O Objeto da denúncia de quebra de decoro parlamentar contra Rony Alves é o suposto abuso de autoridade e ameaça ao agricultor Junior Zampar –principal testemunha da operação ZR-3.

Rony Alves foi preso por determinação do juiz da 2ª vara criminal Délcio Miranda da Rocha a pedido do ministério público.

No caso de Takahashi os motivos são os mesmos que resultaram na comissão processante em que foi absolvido posteriormente.

A mesa executiva da câmara recebeu as três representações e despachou para a procuradoria jurídica que irá avaliar se as peças cumprem os requisitos necessários para tramitação. Depois disso é que o legislativo vai definir se encaminha a abertura ou não de nova comissão processante.

Rony e Mário estão afastados das funções desde janeiro de 2018. A decisão vale até a primeira quinzena de março.



Relacionados

Política | 10-09-2019 16:24

Moradores em situação de rua são flagrados pichando a rodoviária

Moradores em situação de rua são flagrados pichando a rodoviária

Política | 19-08-2019 17:59

Câmara quer saber porque CMTU vai assumir funções do IPPUL

Câmara quer saber porque CMTU vai assumir funções do IPPUL

Política | 15-08-2019 09:36

Justiça determina afastamento do presidente da câmara de Astorga

Justiça determina afastamento do presidente da câmara de Astorga

Política | 09-08-2019 18:01

Quem são os prefeitos que mandam moradores de rua para Londrina?

Quem são os prefeitos que mandam moradores de rua para Londrina?

PUBLICIDADE