Reinauguração da Av. Tito Muffato

Paulo Martins
Política | Publicado em 26/11/2018 às 13:05

Foi inaugurada ontem de manhã a Avenida Tito Muffato, na Zona Oeste de Cascavel. Os pedidos pra que a avenida fosse revitalizada eram antigos. No ato da inauguração, o empresário Tito Muffato foi relembrado, e sua família recebeu uma homenagem.

A inauguração reuniu autoridades, empresários, grupos de ciclismo e moradores do bairro, beneficiados pelas melhorias. a Avenida Tito Muffato ficou 7 meses em reforma. Por meio de um financiamento do governo do estado, foram investidos mais de 4,7 milhões de reais em novo asfalto, calçadas, sinalização, ciclovia e itens de mobilidade. A população cobrava melhorias havia vários anos.

No ato de entrega da avenida, a prefeitura prestou uma homenagem à esposa de Tito Muffato, Reni Muffato, ela recebeu a placa que simboliza a revitalização da avenida. Reni, acompanhada dos netos, se emocionou com a homenagem e reforçou os agradecimentos por terem lembrado de seu marido quando a avenida foi batizada.

Foi há 22 anos que a avenida recebeu esse nome. ela foi batizada em homenagem a um dos empresários mais proeminentes do período e que deixou um legado vivo e crescente até hoje.

José Carlos, o Tito Muffato, faleceu no dia 13 de março de 1996. no início da tarde, ele e outros três empresários viajavam num avião particular com destino ao Pantanal, onde iriam pescar. Na escala em Foz do Iguaçu, durante o pouso, o avião caiu. Um dos fatores que contribuíram para o acidente foi a chuva forte. Além de Tito, faleceram os empresários Itagiba Fortunato, Sérgio Gasparetto e Carlos Doro. Tito tinha pouco mais de 40 anos.

A proposta de batizar a avenida com o nome de Tito Muffato partiu de outro empresário, Renato Silva. Na época amigo de Tito, ele mobilizou a Câmara Municipal de Vereadores e sugeriu a criação do projeto de lei que daria o novo nome à via.

 Tito Muffato deu início a seus negócios na década de 70, quando montou um pequeno armazém em Cascavel com o irmão. Menos de 20 anos depois, já com uma rede de supermercados fundada, o faturamento chegava a 40 milhões de reais. Para os mais íntimos, o espírito empreendedor e a vontade de promover o desenvolvimento combina muito com a cara da nova Avenida Tito Muffato.

Na inauguração, a esposa de Tito Muffato também contemplou a pedra fundamental que simboliza a revitalização da avenida. Embora a tragédia de 22 anos atrás permaneça na lembrança de muitos, o nome cravado na região oeste, uma das que mais crescem na cidade, vai manter vivo o símbolo do desenvolvimento.


Comentário de Paulo Martins

Vários são os aspectos que nos animam em torno de um evento dessa natureza. O primeiro diz respeito à memória do homenageado que há muito tempo vinha sendo desmerecida devido ao abandono que aquela avenida, com o seu nome, vinha sendo relegada e, agora se restaura num clima de justiça que o Tito faz por merecer, afinal, foi um empresário que estabeleceu compromissos para com a sociedade, compromissos que não se limitavam a criação de empregos, mas também a investimentos não restritos às empresas, mas principalmente, à própria sociedade politica, econômica e social que ele tanto respeitava. 

Esse seu compromisso social era tão obstinado que em vida teve o acerto consigo mesmo de preparar sua prole para a continuidade de suas metas caso viesse a faltar, o que ocorreu, infelizmente, mas revelando-se na atualidade o êxito na continuidade no que foi pelo Tito previsto. Uma bela avenida com seu nome, portanto, vem hoje, bela e recuperada, destacar a empatia que existiu entre o homenageado e a sociedade de Cascavel e, do Paraná que ele tanto respeitou e admirou. 

Falei sobre vários ângulos que se destacaram nesse evento e, outro que nos despertou entusiasmo foi o que reuniu em detalhes a informação de que, na recuperação da Tito Muffato, houve algumas sobras de recursos que, inspirados num novo e salutar modelo de administração pública, foram, pelo prefeito Leonaldo Paranhos, numa espécie de arte de bom senso, remanejados para recuperação de outros setores viários, numa espécie de polidez pública para com recursos populares. 

Que bom prever-se uma nova era, uma exaltação de qualidade, conciliável com a disciplina social e que vem a conhecimento público justamente durante uma homenagem a uma figura por excelência como o foi Tito Muffato.



Relacionados

Política | 15-04-2019 12:43

Audiência pública discute sobre projeto de Lei Escola sem partido

Audiência pública discute sobre projeto de Lei Escola sem partido

Política | 12-04-2019 13:04

'Nós mantemos em Brasília 432 apartamentos funcionais'

'Nós mantemos em Brasília 432 apartamentos funcionais'

Política | 11-04-2019 12:47

"Segurança, amigos, é algo como medicina..."

"Segurança, amigos, é algo como medicina..."

Política | 10-04-2019 12:47

Motoristas reclamam do trânsito na BR 277 após desvio para obras na Av. Costa e Silva

Motoristas reclamam do trânsito na BR 277 após desvio para obras na Av. Costa e Silva

PUBLICIDADE