Secretaria de finanças fala sobre cobrança da taxa de desastres

Paulo Martins
Política | Publicado em 29/11/2018 às 12:46

Todo ano, parte dos impostos dos cascavelenses vai para o corpo de bombeiros, por meio da taxa de desastres. Mas o copo de bombeiros da cidade atende outros municípios da região, que não têm essa mesma taxa. 

Na última arrecadação do IPTU em Cascavel, a taxa de desastre somou cerda de 3 milhões de reais, quantia paga contribuintes que tem cerca de 130 imóveis. 

Segundo a prefeitura, eles atendem casos de emergência em outras cidades e outros grupo ajudam se necessário Cascavel. 

Ontem (28), as equipes se deslocaram até Corbélia para combater um incêndio em um aviário. A cidade não cobra a taxa de desastre. 

Cometário Paulo Martins:

Corbélia não cobra ?? É uma questão de decência!! Nada, absolutamente nada justifica uma má conduta e, além disso, a maioria dos vereadores que em Cascavel decidiu manter essa taxa, que não passa de uma fraude, simplesmente meteu o bedelho aonde não foi chamada e, com sério agravante...Para “pre-ju-di-car” a população a quem caberia, essa maioria, zelar pelos direitos que a constituição garante. 

Até a justiça superior já estabeleceu jurisprudência sobre essa taxa fraudulenta, negando essa cobrança, pois esse serviço já está calculado nas obrigações do estado...Quem engendrou o golpe mudou até o nome da taxa numa espécie de cilada contra o povo que não tem que pagar pelo que não deve, povo que, aliás, já é esfolado em outras armadilhas escandalosas que se conhece por impostos.

Empresas que contam com segmentos jurídicos, buscam na justiça – e por direito – defender-se dessa esfolada vergonhosa, mas as pessoas simples em suas economias, as famílias de poucos recursos acabam sendo assaltadas nessa tocaia e, assim sendo, cabe-nos, por fim, uma sugestão: “alguém liderar um movimento amparado na lei e tentar acolhida através da OAB para voltar à justiça...Quem sabe um pouco de vergonha volte a imperar nessa área da qual, com escárnio, a justiça foi banida.



Relacionados

Política | 17-04-2019 13:01

"Ainda bem que nosso idioma é dotado de certos eufemismos"

"Ainda bem que nosso idioma é dotado de certos eufemismos"

Política | 16-04-2019 12:46

'Essas placas dificultam principalmente a identificação visual'

'Essas placas dificultam principalmente a identificação visual'

Política | 15-04-2019 12:43

Audiência pública discute sobre projeto de Lei Escola sem partido

Audiência pública discute sobre projeto de Lei Escola sem partido

Política | 12-04-2019 13:04

'Nós mantemos em Brasília 432 apartamentos funcionais'

'Nós mantemos em Brasília 432 apartamentos funcionais'

PUBLICIDADE