5 razões pelas quais você deveria ir periodicamente ao dentista

Redação Tarobá News
Bem-estar | Publicado em 16/12/2019 às 10:24

Muitas pessoas acham que ir ao dentista é sinônimo de sentir dor. 

Mas esse conceito é completamente errado. 

A ida ao dentista deveria ser algo feito periodicamente, pois se fosse assim, certamente você gastaria muito menos (e certamente sentiria bem menos dor). 


Confira 5 razões pelas quais você deveria ir periodicamente ao dentista. 


1 – Sai Muito Mais Barato 

Pode parecer piada, mas não é. Ir ao dentista duas vezes ao ano sai muito mais em conta para o seu bolso do que esperar cinco anos e daí ir. 

Faça uma conta simples: em um paciente sem doenças ativas, uma ida ao dentista a cada 6 meses resulta em uma limpeza (raspagem e aplainamento supra radicular), profilaxia e talvez, uma restauração (muitas vezes nem isso é necessário, ficando só na limpeza mesmo). 

Se você demorar 5 anos para ir, certamente a quantidade de tártaro que estará na sua boca vai demandar do dentista muito mais tempo e trabalho para conseguir limpar. 

Portanto, só a limpeza já vai sair mais cara, em função do tempo e das sessões necessárias. 

O período de 5 anos é um tempo médio para uma restauração de resina (aquele material da cor do dente) começar a sofrer alteração de cor e pigmentação. 

Ou seja, ao menos um polimento você vai precisar. 

Pode ser também que suas restaurações, que já terão ao menos 5 anos, dependendo da sua atividade de cárie presente, necessite serem trocadas. 

Uma coisa é trocar uma restauração. Em cinco anos, podem ser várias que necessitem de troca. 

Portanto, o valor total do tratamento vai sair bem mais caro do que se você tivesse se programado e ido uma vez a cada 6 meses. 


2- Tratamento É Mais Simples 

Isso acaba refletindo no item 1, ou seja, um tratamento mais simples obviamente sai mais barato. 

Fazer uma limpeza de uma área bucal que foi profissionalmente limpa há 6 meses, dependendo do paciente, é bem mais simples do que fazer uma limpeza de uma região bucal que não é submetida à raspagem há anos. 

Um tratamento mais simples leva menos tempo e custa menos. 

E sobretudo, o próximo item... 


3 – Tratamentos Mais Simples Doem Menos 

Uma raspagem da região dos dentes (chamada de supragengival) não precisa de anestesia. Ou seja, você não vai sentir dor. 

Se o tempo passa, aquele tártaro fica ali, a doença evolui para uma periodontite (que é a doença com perda óssea), a raspagem passa a ser subgengival, ou seja, por debaixo da gengiva. 

Raspagens subgengivais necessitam de anestesia, abertura de retalho e mais uma série de procedimentos. Isso dói mais do que a raspagem supragengival simples, que você deixou de fazer lá trás. 

O melhor exemplo disso também é uma lesão de cárie. Uma lesão de cárie começa como uma mancha branca no dente. E isso é reversível. 

Antes de formar um buraco no seu dente, aquela cárie foi só uma manchinha branca... O tempo passou, você não cuidou... O buraco se estabeleceu, você ainda não cuidou... A cárie chegou ao nervo do dente, deu canal. 

Aí você sentiu dor. Doeu. Canal custa mais caro. 

O canal apenas repara a parte interna do dente. Depois ainda tem que fazer uma restauração ou uma coroa. 

Isso custa mais caro. 

Ou seja, a manchinha branca que ficou lá trás e você não foi cuidar, virou um dente que precisa de canal e coroa. 

A dor veio junto e o preço subiu. 

As doenças bucais, quando não tratadas, evoluem. Elas simplesmente não estacionam sozinhas e desaparecem. Com a evolução, há mais dor, o tratamento fica mais complexo e mais caro. 


4 – Perder Um Dente Causa Muito Mais Danos Do Que Você Imagina 

Muitas pessoas acham que perder um dente é só perder um dente. 

Mas não é. 

Quando se perde um dente, todo o equilíbrio interno da cavidade bucal é alterado. 

Existe algo chamado “oclusão”, que é o encaixe dos dentes, com o equilíbrio das estruturas articulares e musculares do sistema bucal. 

Quando você perde um dente e não repõe, todo aquele equilíbrio se perde. 

Com isso, uma série de problemas pode acontecer: dores de cabeça, problemas de articulação, dificuldades de alimentação, até na fala. 

Portanto, se você perdeu um dente por cárie ou doença periodontal, considere como prioridade a necessidade de repor com implante ou prótese. 


5 – Existem Vários Problemas Que Seu Dentista Pode Te Ajudar 

Dentista não trata só de cárie. Não se olha só os dentes. A boca é parte de um contexto. É a saúde do indivíduo, como um todo, que também reflete na boca. 

Dentistas ajudam a reconstituir autoestima. 

Um sorriso alinhado, claro, faz você ter confiança em qualquer situação. 

Hoje, há inúmeros tratamentos estéticos disponíveis a preços que você pode pagar. 

Há inúmeras doenças que também tem manifestação bucal (para as quais há tratamento e melhora dos sintomas).

Que tal agendar uma consulta em um dentista e ter saúde, começando pela boca?





Relacionados

Bem-estar | 03-12-2019 20:37

10 Sugestões de Presentes Para Praticantes De Crossfit

10 Sugestões de Presentes Para Praticantes De Crossfit

Bem-estar | 19-11-2019 11:18

Item curinga na decoração: como usar prateleiras em diferentes espaços e ambientes

Item curinga na decoração: como usar prateleiras em diferentes espaços e ambientes

Bem-estar | 12-11-2019 10:41

Afinal, idosos podem consumir suplementos alimentares?

Afinal, idosos podem consumir suplementos alimentares?

Bem-estar | 01-11-2019 18:45

Papai Noel dos Correios: veja como participar da campanha em 2019

Papai Noel dos Correios: veja como participar da campanha em 2019

PUBLICIDADE