Exposições e palestras marcam Semana Nacional de Museus em Londrina

Redação Tarobá News
Cultura | Publicado em 13/05/2019 às 09:18

Dois museus de Londrina tem programação especial para a a 17ª Semana Nacional de Museus, que começa nesta segunda-feira (13). A programação vai até 19 de maio, com exposições, palestras, mesa-redonda, visita mediada, além de exibição de filmes e shows. O tema este ano é "Museus como núcleos Culturais: o futuro das tradições".

A programação no Museu Histórico de Londrina tem início nesta segunda com a exposição Múltiplo Leminski, sobre vida e obras do artista, que vai até dia 30 de junho. O espaço fica aberto das 9 às 17 horas.

Já no dia 14, das 19h30 às 22 horas tem palestra com Amélia Corrêa, sobre "Gênero e Museu: debates contemporâneos", com foco na relação entre gênero e museu a partir de três enfoques.

Na quarta-feira (15), das 14 às 15 horas, é a vez da palestra "A transmissão das tradições na Folia de Reis", com o Sr. Francisco Garbosi, integrante do Grupo Mensageiros da Paz. Destinada a alunos de escolas municipais.

No dia 17, das 16 às 18 horas, tem mesa-redonda. As Associações de Amigos do Museu Histórico, Museu de Arte e Festival de Música de Londrina, apresentarão relatos de suas ações, projetos, metas alcançadas e orientações para novas associações. No mesmo dia, das 19 às 21 horas tem apresentação da Orquestra de Viola Caipira aberta ao público na plataforma do Museu Histórico.

Já no penúltimo dia de programação (18), das 18 às 20 horas, o Grupo de Acordeon Evelina Grande, formado exclusivamente por mulheres, faz apresentação. Já das 16 às 18 horas, haverá Mostra Áudio Visual Múltiplo Leminski com a exibição dos filmes: "O Poeta", 2001; "Belowars", 2008; "Polaco Loco Paca", 1987; e "Ervilha da Fantasia - uma ópera Paulo Leminskiana", 1985.

No último dia, domingo (19), das 16 às 18 horas, a mostra áudio visual Múltiplo Leminski continua com a exibição de "Fazia Poesia-Poemas de Paulo Leminski", 2004, de Carlos Deiró (classificação livre) e "Ex Isto", 2010, de Cao Guimarães.  O Museu Histórico está na Rua Benjamin Constant, 900, no centro.

Já o Museu de Arte de Londrina recebe a exposição “Vigve, mẽgmẽ” que, na língua kaingang, significa “ver, ouvir”. A exposição é formada por obras de arte do acervo próprio do museu, além de livros, catálogos fotográficos e documentários. As publicações trazem imagens e informações sobre aspectos de diferentes etnias indígenas e são do acervo da Biblioteca Pública Municipal Professor Pedro Viriato Parigot de Souza, selecionados pela Diretoria de Bibliotecas.

O local também exibe a exposição histórica sobre a trajetória do prédio, desde sua inauguração em 1952, como terminal rodoviário, até hoje. Em banners, a mostra destaca aspectos da arquitetura modernista do prédio e os usos do museu como espaço cultural. As exposições podem ser visitadas, de segunda a sexta-feira, das 13h às 18h, no Museu, localizado na rua Sergipe, 640.

(com assessoria)



Relacionados

Cascavel | 20-09-2019 14:20

Dia do Gaúcho: conheça a história de Cresencio Lopes dos Santos

Dia do Gaúcho: conheça a história de Cresencio Lopes dos Santos

Curitiba | 20-09-2019 09:37

Nani Góis lança o DNA fotográfico do MON

Nani Góis lança o DNA fotográfico do MON

Londrina | 19-09-2019 21:46

Ópera João e Maria estreia no Teatro Ouro Verde

Ópera João e Maria estreia no Teatro Ouro Verde

Curitiba | 19-09-2019 16:26

Produtores de queijo do Paraná participam de concurso nacional

Produtores de queijo do Paraná participam de concurso nacional

PUBLICIDADE