Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Rolândia recebe Festival Paranaense Itinerante de Cinema de Horror

05/09/22 às 11:36 - Escrito por Redação Tarobá News

Entre 9 a 11 de setembro, o Centro Cultural Nanuk recebe o 1º Boitatá – Festival Paranaense Itinerante de Cinema de Horror. A programação coloca em evidência o cinema de horror realizado no Brasil e inclui mostras de longas e curtas-metragens, além de uma oficina e de um bate-papo. Toda a programação é gratuita e pode ser conferida no site. O festival conta com o incentivo do PROFICE - Programa Estadual de Incentivo e Fomento à Cultura.

 

A abertura acontece na sexta (9), às 18h30 com a apresentação do festival. Na sequência, acontece a homenagem à atriz Débora Munhyz com a exibição do curta “Amor só de mãe”, dirigido por Denninson Ramalho. Depois do filme, às 20h,acontece um bate-papo com a atriz, que viaja especialmente para o festival, com a mediação do cineasta Paulo Biscaia.

 

A programação inclui a Mostra Especial da Curadoria, que exibirá o filme “A Macabra Biblioteca do Dr. Lucchetti”, do diretor Paulo Biscaia. O público também poderá assistir “Descaminhos”, de Armando Fonseca e "Os Dragões” de Gustavo Spolidoro. Ainda serão exibidos 24 curtas-metragens (universitários e não-universitários).

 

O encerramento acontece com a Mostra Clássico do Cinema, que exibirá o filme “A Hora do Medo”, dirigido por Francisco Cavalcanti e José Mojica Marins, o Zé do Caixão. O festival ainda conta com a oficina “Construindo uma cena de efeitos especiais no cinema: de materiais e técnicas à análise técnica da cena no roteiro”, ministrada por Kapel Furman.

 

A seleção dos longas contou com a curadoria de duas referências do gênero, os cineastas Paulo Biscaia (Virgens Acorrentadas, Nervo Craniano Zero, Morgue Story) e Petter Baiestorf (Fábulas Negras, Zombio, Zombio 2: Chumarrio Zombies).Todas as mostras de cinema apresentam produções realizadas no Brasil e não terão caráter competitivo.

 

Já a mostra de curtas teve a curadoria do acadêmico e escritor do gênero, Nelson Rocha Netto e do professor universitário, jornalista e crítico de cinema Rodolfo Stanchi. A equipe do festival inclui ainda o diretor pedagógico Demian Garcia (curador do Fidé Brasil) e o diretor artístico Carlos Macagi, que se unem para enriquecer, diversificar e difundir o gênero de horror nacional.


Oficina

 

A oficina “Construindo uma cena de efeitos especiais no cinema: de materiais e técnicas à análise técnica da cena no roteiro”, ministrada por Kapel Furman propõe uma extensão da temática expondo os diferentes materiais e técnicas possíveis para a realização de efeitos especiais. Também serão abordadas questões como o que é um filme do gênero fantástico e como construir a cena de efeito especial dentro do roteiro cinematográfico.

 

Projeto realizado com o apoio do  Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura (PROFICE)  – Secretaria de Estado da Comunicação Social e da Cultura – Governo do Estado do Paraná. Conta com o patrocínio da Copel e o apoio institucional das prefeituras de Marechal Cândido Rondon, Rolândia, União da Vitória e Matinhos.

 

Serviço:

 

1º Boitatá – Festival Paranaense Itinerante de Cinema de Horror.

Rolândia

De 9 a 11 de setembro

Centro Cultural Nanuk

Rua Duque de Caxias, 1679 - Centro

Entrada gratuita.


Abertura das sessões 15 minutos antes (entrada por ordem de chegada)

Para participar da oficina, que também gratuita, é preciso preencher um formulário, disponível no site do evento.

 

© Copyright 2022 Grupo Tarobá