Linha 4

Publicidade

Com quase 600 inscritos, passeio ciclístico promete ser o maior já realizado em Londrina

Redação Tarobá News

Foto: Divulgação

Neste domingo (3), a partir das 9h, Londrina recebe a última edição em 2017 do tradicional Ciclo Sesc – Movimente sua vida no pedal. A largada ocorre na avenida Madre Leônia Milito, nº 2.121, em frente à Decathlon. Com apoio da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU) na realização de batedores, o evento tem percursos de 10, 20 e 40 km.

Além de contribuir para a formação de um novo olhar sobre a cidade e o uso da bike, o passeio ciclístico visa arrecadar brinquedos novos e usados para o Instituto Matheus Emmanuel, que atende a 165 crianças no jardim Marabá.

Com mais 560 inscritos até agora, a pedalada promete ser a maior já realizada no município. A expectativa da organização é que o número de ciclistas ultrapasse 650, já que muitos não estão habituados a efetuar a inscrição pela internet para registrar a participação.

Solicitar o cadastramento prévio dos interessados foi a maneira encontrada pelos organizadores para o preparo da estrutura de apoio do evento. “A medida foi tomada para que a gente consiga fazer a distribuição de água, frutas e barras de cereais na quantidade adequada. É possível se inscrever pelo site www.sympla.com.br, mas a participação é gratuita e aberta a todos os públicos”, contou Carlos Eduardo Ribeiro, coordenador de Educação no Trânsito da CMTU.

Para esta edição do passeio, a novidade é a arrecadação de brinquedos para a campanha de Natal do Sesc. “A entidade desenvolve esta iniciativa para proporcionar um fim de ano mais feliz a crianças que, muitas vezes, não têm oportunidade de ganhar presentes em casa. Além de colaborar nessa causa tão nobre, quem fizer a doação dos brinquedos estará concorrendo ao sorteio de duas bicicletas”, informou o coordenador.

Com três modalidades de percurso, os participantes poderão pedalar do local de largada até o Jardim Botânico de Londrina, até a altura do conjunto Jamile Dequech, na saída para Curitiba, ou até a Estrada da Cegonha, localizada no Patrimônio Regina. Os trajetos pela zona sul da cidade passam por vias e propriedades rurais, áreas de mata, córrego, além de duas pedreiras localizadas nas proximidades do conjunto Cafezal.

Para garantir a segurança dos integrantes, 8 agentes municipais da CMTU vão atuar no controle do trânsito. A operação envolve o uso de 6 viaturas e 2 motocicletas. A iniciativa conta ainda com o apoio da Guarda Municipal (GM), Polícia Militar (PM) e Polícia Rodoviária Estadual (PRE).   

(N.Com)

COMENTÁRIOS

Publicidade