Paranaenses garantem sete medalhas para o Brasil na esgrima em cadeira de rodas

Redação Tarobá News
Esgrima | Publicado em 17/09/2018 às 15:17

Foto: CPB | Divulgação

Os atletas do Paraná bolsistas do programa Talento Olímpico do Paraná (TOP 2020), que integram a seleção brasileira na esgrima em cadeira de rodas, encerraram a participação no Campeonato Regional das Américas, em Saskatoon, no Canadá, com sete medalhas.

Jovane Guissone, que compete na classe funcional B, garantiu dois ouros, na espada e no florete, e uma medalha de prata no sabre. Moacir Ribeiro conquistou o ouro na espada, da classe A. Rodrigo Massarutt, que compete na B, encerrou a disputa com uma prata na espada e um bronze no sabre; e Karina Fernandes garantiu a medalha de ouro no florete.

"O resultado da espada estava dentro do esperado. Fiz a final com meu colega de equipe (Jovane). Já o sabre me surpreendi com o resultado. Por ser uma arma que estou iniciando, mesmo já conseguindo resultados em competições nacionais, não esperava conquistar medalha em uma competição de alto nível como essa. Fiquei muito feliz com os resultados", disse Rodrigo Massarutt.

Em outubro os paranaenses vão em busca de mais medalhas no Campeonato Brasileiro, que será em São Paulo.

O Talento Olímpico do Paraná é uma promoção da Secretaria de Estado do Esporte e do Turismo, do Governo do Paraná, com patrocínio exclusivo da Copel.

Assessoria



Relacionados

PUBLICIDADE