Com virada e genialidade de Mahomes, Kansas City Chiefs conquista o Super Bowl

Estadão Conteúdo
Futebol americano | Publicado em 03/02/2020 às 06:37

A NFL tem um novo astro. Trata-se do quarterback Patrick Mahomes, que liderou o Kansas City Chiefs na vitória sobre o San Francisco 49ers, neste domingo, por 31 a 20, e garantiu o segundo título do 54º Super Bowl para a franquia na partida disputada em Miami. A primeira ocorreu em 1970.

A taça foi especial para Mahomes, de 24 anos e principal destaque do time. Após uma primeira etapa apagada, ele usou sua inteligência para acionar o ataque de sua equipe e virar um jogo na reta final da partida. O triunfo também é marcante para o técnico Andy Reid, que, aos 61 anos, conquistou pela primeira vez um Super Bowl, apesar das 195 vitórias obtidas na carreira.

O quarto período foi decisivo e terminou com a vitória de Kansas por nada menos do que 21 a 0. Após um primeiro tempo equilibrado e que terminou empatado por 10 a 10, no terceiro quarto os 49ers abriram frente e chegaram a fazer 20 a 10. O título parecia encaminhado, mas no último quarto Mahomes mostrou por que é considerado um dos mais promissores jogadores de futebol americano da atualidade.

Com inteligência e raciocínio rápido, Mahomes conseguiu entrar no jogo. Em um dos seus lançamentos, ele colocou a bola nas mãos de Watkins em um incrível passe de nada menos do que 33 jardas.

O Kansas City Chiefs tem uma das torcidas mais fanáticas do futebol americano e manda seus jogos em um dos estádios mais hostis da NFL para os adversários. Toda essa paixão pelo esporte foi recompensada com a conquista do Super Bowl 54.

O San Francisco 49ers perdeu a chance de se sagrar campeão pela sexta vez e se igualar ao Pittsburgh Steelers e ao New England Patriots como maiores campeões. O jejum da equipe californiana já atinge 26 anos.

O JOGO - O primeiro quarto do Super Bowl começou tenso. O San Francisco 49ers ganhou o cara ou coroa e deixou o primeiro ataque para o Kansas City Chiefs. Patrick Mahomes errou duas bolas e o time de Kansas precisou ir para o punt.

No primeiro ataque dos 49ers, destaque para Deebo Samuel, que consegue correr 30 jardas. Mas com Jimmy Garoppolo muito marcado, Robbie Gould faz 3 a 0 para os 49ers no field goal.

No segundo ataque de Kansas, Mahomes, protegido, começou a acionar a velocidade de Tyreek Hill. Mas quem avançou 20 jardas fou Demien Williams, em duas boas escapadas. Só que Dee Ford derrubou Mahomes na sequência. Mas o quarterback não se intimidou. Na jogada seguinte, avançou 12 jardas e depois foi para o touchdown. Harrison Butker converteu o chute extra e Kansas liderava por 7 a 3, a 31 segundos do fim do primeiro quarto.

No segundo, Kansas conseguiu a primeira interceptação. Garoppolo, pressionado, lançou mal e Bashaud Breeland ficou com a bola. Mesmo sofrendo empurrão, Mahomes encontrou Sammy Watkins a quase 20 jardas. Mahomes e Damien Williams mostram grande entrosamento, mas Tarvarius Moore desviou passe de Mahomes. Butker, mais uma vez, entrou para o field goal: 10 a 3, Kansas.

Raheem Mostert e Deebo Samuel deram ritmo aos 49ers, que conseguiram ter first downs seguidos. Tevin Coleman foi outro a correr dez jardas. Em uma sequência arrasadora, Kyle Juszczyk conseguiu o touchdown para San Francisco. Robbie Gould marcou o ponto extra e empatou o jogo: 10 a 10, a 5min05 do fim do segundo quarto.

Williams conseguiu duas vezes o first down para o Kansas, mas depois foi derrubado e a bola voltou para os 49ers antes do intervalo. Garoppolo mostrou suas qualidades e encontra Wilson com quase 30 jardas. O quarterback de San Francisco faz mais um belo lançamento, mas George Kittle faz falta antes de agarrar a bola. Assim, o primeiro tempo terminou empatado: 10 a 10.

San Francisco começou no ataque o terceiro quarto. Garoppolo conseguiu levar sua equipe avançar até as 26 jardas. Mas Mostert e Coleman não conseguiram o first down. Gould, mais uma vez, entrou e converteu o field goal e colocou os 49ers na frente de novo: 13 a 10.

Bola com Kansas e a torcida de San Francisco pela primeira vez começou a gritar "defesa", a melhor característica do time. Os gritos deram certo e Nick Bosa, quase roubou a bola de Mahomes. No lance seguinte, o quarterback precisou um passe de 12 jardas, mas acertou o peito de Fred Warner.

A bola, então, foi para os 49ers. Foi a primeira interceptação de Mahomes nos playoffs.Juszczyk conseguiu corrida de nove jardas e deixou trabalho fácil para Mostert: tochdown para os 49ers. Gould converteu mais um ponto extra: 20 a 10 para o time de San Francisco. A defesa não dava moleza para Mahomes, que arriscou e conseguiu um first down. Kelce também, no fim do terceiro quarto. Restavam quinze minutos para o fim do Super Bowl.

O último quarto começou e Kansas conseguiu dois first down com Hill e Williams, mas Mahomes foi bloqueado por DeForest Bukner. Na sequência, o líder dos Chiefs conseguiu avançar 13 jardas. Hill deixou a bola escapar e Tarvarius Moore obteve a interceptação. Os jogadores dos 49ers festejaram.

Parece que a excessiva comemoração tirou a concentração dos 49ers, que erraram demais na posse de bola seguinte e devolveram a bola para Kansas com 8min43 para o fim do jogo. Mahomes não se livrou da pressão do adversário, arriscou bola longa para Hill, mas não conseguiu recepção. Mas Mahomes insistiu e encontrou Hill a 22 jardas. Na sequência, veio o 45º touchdown de Kelce na carreira. Butker conferiu o field goal e o placar ficou 20 a 17. Restavam 6min13.

San Francisco teve a bola e precisava do touchdown para acabar com as chances de Kansas. Mas deu tudo errado para Garappolo. A bola voltou para Kansas, que tinha pouco mais de quatro minutos para virar e ganhar o Super Bowl.

Mahomes foi incrível ao dar passe de 30 jardas para Watkins. Kansas ficou perto do touchdown e ele aconteceu. Mahomes lançou Williams.e a jogada foi decidida após revisão. Butker conferiu o field goal: 24 a 20, Kansas. Faltavam 2min44 para o fim do Super Bowl.

O jogo estava nas mãos de Garoppolo. Kendrick Bourne, com avanço de 16 jardas, deixou os 49ers no campo de ataque. No desespero, o quarterback tentou um longo lançamento, mas Sanders não agarrou. Na jogada seguinte, a defesa dos Chiefs impediu Garoppolo de arremessar. Kansas voltou a ficar com a bola a 1min20 do fim.

E Williams acabou com as esperanças dos 49ers. Com uma bela corrida, o running back fez mais um touchdown e aumentou a vantagem para 30 a 20, com o ponto extra definindo o triunfo por 31 a 20.



Relacionados

Futebol americano | 04-02-2019 06:30

Patriots, de Tom Brady, supera o Rams e vence o Super Bowl pela sexta vez

Patriots, de Tom Brady, supera o Rams e vence o Super Bowl pela sexta vez

Futebol americano | 05-02-2018 08:30

Philadelphia Eagles supera o New England Patriots e conquista o seu 1º Super Bowl

Philadelphia Eagles supera o New England Patriots e conquista o seu 1º Super Bowl

Futebol americano | 04-02-2018 07:32

Na 52ª edição do Super Bowl, Patriots, de Tom Brady, quer 6º caneco da história

Na 52ª edição do Super Bowl, Patriots, de Tom Brady, quer 6º caneco da história

Futebol americano | 22-01-2018 10:00

Patriots e Eagles vencem finais de conferência e jogarão o Super Bowl

Patriots e Eagles vencem finais de conferência e jogarão o Super Bowl