Shakira e Jennifer Lopez fazem show histórico no intervalo do Super Bowl

Estadão Conteúdo
Futebol americano | Publicado em 03/02/2020 às 06:36

Shakira e Jennifer Lopez fizeram um espetáculo histórico neste domingo, no gramado do Hard Rock Stadium, em Miami, durante o intervalo do Super Bowl. Pela primeira vez, duas cantoras latinas se apresentaram ao mesmo tempo no palco do principal evento esportiva dos Estados Unidos. Com muita sensualidade e um show de coreografia, as duas cantoras fizeram os 65 mil presentes ficarem em pé.

Aniversariante do dia (43 anos), a colombiana Shakira enlouqueceu o público, assim como a norte-americana Jennifer Lopez, de 50 anos. As duas mantêm uma forma física impressionante. Depois de atuarem separadamente, as estrelas dividiram o palco por alguns instantes. Neste momento, todos os telefones celulares foram ligados.

Foram 13 minutos eletrizantes com o público festejando cada música como se fosse um touchdown. Pela rápida, mas intensa apresentação, Shakira e Jennifer Lopez receberam US$ 13 milhões (aproximadamente R$ 57 milhões) ou US$ 1 milhão (R$ 4,3 milhões) por minuto.

Mas uma vez, a organização do evento deu outro show ao armar e desarmar o palco em menos de dez minutos. Quando o segundo tempo do jogo começou, não parecia que um espetáculo havia sido realizado. Esta não é a primeira vez que isso ocorre, mas sempre é muito impressionante.

PRIMEIRO TEMPO EMPATADO - O primeiro quarto do Super Bowl começou tenso. O San Francisco 49ers ganhou o cara ou coroa e deixou o primeiro ataque para o Kansas City Chiefs. Patrick Mahomes errou duas bolas e o time de Kansas precisou ir para o punt.

No primeiro ataque dos 49ers, destaque para Deebo Samuel, que consegue correr 30 jardas. Mas com Jimmy Garoppolo muito marcado, Robbie Gould faz 3 a 0 para os 49ers no field goal.

No segundo ataque de Kansas, Mahomes, protegido, começou a acionar a velocidade de Tyreek Hill. Mas quem avançou 20 jardas fou Demien Williams, em duas boas escapadas. Só que Dee Ford derrubou Mahomes na sequência. Mas o quarterback não se intimidou. Na jogada seguinte, avançou 12 jardas e depois foi para o touchdown. Harrison Butker converteu o chute extra e Kansas liderava por 7 a 3, a 31 segundos do fim do primeiro quarto.

No segundo, Kansas conseguiu a primeira interceptação. Garoppolo, pressionado, lançou mal e Bashaud Breeland ficou com a bola. Mesmo sofrendo empurrão, Mahomes encontrou Sammy Watkins a quase 20 jardas. Mahomes e Damien Williams mostram grande entrosamento, mas Tarvarius Moore desviou passe de Mahomes. Butker, mais uma vez, entrou para o field goal: 10 a 3, Kansas.

Raheem Mostert e Deebo Samuel deram ritmo aos 49ers, que conseguiram ter first downs seguidos. Tevin Coleman foi outro a correr dez jardas. Em uma sequência arrasadora, Kyle Juszczyk conseguiu o touchdown para San Francisco. Robbie Gould marcou o ponto extra e empatou o jogo: 10 a 10, a 5min05 do fim do segundo quarto.

Williams conseguiu duas vezes o first down para o Kansas, mas depois foi derrubado e a bola voltou para os 49ers antes do intervalo. Garoppolo mostrou suas qualidades e encontra Wilson com quase 30 jardas. O quarterback de San Francisco faz mais um belo lançamento, mas George Kittle faz falta antes de agarrar a bola. Assim, o primeiro tempo terminou empatado: 10 a 10.



Relacionados

Futebol americano | 04-02-2019 06:30

Patriots, de Tom Brady, supera o Rams e vence o Super Bowl pela sexta vez

Patriots, de Tom Brady, supera o Rams e vence o Super Bowl pela sexta vez

Futebol americano | 05-02-2018 08:30

Philadelphia Eagles supera o New England Patriots e conquista o seu 1º Super Bowl

Philadelphia Eagles supera o New England Patriots e conquista o seu 1º Super Bowl

Futebol americano | 04-02-2018 07:32

Na 52ª edição do Super Bowl, Patriots, de Tom Brady, quer 6º caneco da história

Na 52ª edição do Super Bowl, Patriots, de Tom Brady, quer 6º caneco da história

Futebol americano | 22-01-2018 10:00

Patriots e Eagles vencem finais de conferência e jogarão o Super Bowl

Patriots e Eagles vencem finais de conferência e jogarão o Super Bowl