Alberto Valentim promete atacar o Corinthians no clássico 'sem fazer loucuras'

Estadão Conteúdo
Futebol | Publicado em 03/11/2017 às 17:45

Foto: divulgação

O técnico Alberto Valentim descartou adotar uma blitz ofensiva descontrolada para vencer o Corinthians, neste domingo, no estádio Itaquerão, em São Paulo, pela 32.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Palmeiras precisa de um triunfo para diminuir a distância em relação ao líder - hoje é de cinco pontos (59 a 54). "A forma que gosto de trabalhar é com segurança, atacando, e não sofrer gols. Um time com equilíbrio em ambas as fases do jogo", afirmou o interino em entrevista coletiva nesta sexta-feira na Academia de Futebol.

"Vamos procurar atacar, pressionar, sem fazer loucura, sem fazer que o jogo se torne uma armadilha, o que conseguimos fazer no fim contra o Cruzeiro", completou o treinador alviverde. No final do empate por 2 a 2 diante do Cruzeiro, o Palmeiras teve a chance de conseguir a virada, mas sofreu poucos riscos de levar o terceiro gol.

O técnico palmeirense fez mistérios sobre a escalação. Não confirmou a presença de Willian ou do colombiano Borja no ataque e também não confirmou o retorno do também colombiano Mina à zaga. "Provavelmente eu terei o grupo todo à disposição. Estamos fazendo algumas variações de características, de modelo de jogo, para a gente decidir quem começa jogando", disse Alberto Valentim.

Embora o confronto entre o líder e o vice-líder ocorra na reta final do torneio, Alberto Valentim não acredita que o título se defina neste domingo. "O que fez com que nós nos aproximássemos mais foi pensar jogo a jogo. Terminando o jogo, independente do resultado, a partida vai nos dar a condição lá na frente, mas o campeonato não acaba domingo. Com a vitória de um ou outro, as coisas ficam mais claras, mas não acaba domingo", afirmou o técnico palmeirense.

Neste sábado, apenas a primeira parte do treinamento, o aquecimento, será aberta à imprensa. O restante da atividade será fechado.



Relacionados

Futebol | 21-06-2018 12:00

Contratado pelo Manchester United, Fred diz que jogará no 'maior clube do mundo'

Contratado pelo Manchester United, Fred diz que jogará no 'maior clube do mundo'

Futebol | 21-06-2018 11:05

Com auxílio do VAR, Austrália busca empate com a Dinamarca e segue viva na Copa

Com auxílio do VAR, Austrália busca empate com a Dinamarca e segue viva na Copa

Futebol | 21-06-2018 10:35

Tite admite 'caráter decisivo' de jogo com a Costa Rica e exalta apoio da torcida

Tite admite 'caráter decisivo' de jogo com a Costa Rica e exalta apoio da torcida

Futebol | 21-06-2018 09:25

Chicharito pede para torcida do México parar com gritos homofóbicos

Chicharito pede para torcida do México parar com gritos homofóbicos

PUBLICIDADE