Futebol

Futebol

Flamengo goleia a Chapecoense por 5 a 1 com três gols de Guerrero e dois de Diego


Flamengo goleia a Chapecoense por 5 a 1
Foto: Gilvan de Souza

Com a dupla Diego e Guerrero inspirada, o Flamengo goleou a Chapecoense por 5 a 1, nesta quinta-feira, no estádio Luso-Brasileiro, no Rio, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro. O centroavante peruano marcou três gols - os seus primeiros na competição - e o meia anotou os outros dois.

O resultado elástico leva o Flamengo para a oitava colocação com 14 pontos, atrás do Fluminense, que abre o G6 - a zona de classificação para a próxima edição da Copa Libertadores -, apenas pelo número de vitórias (4 a 3 para o rival tricolor).

A Chapecoense, com um ponto a menos, fica na 10.ª colocação e tem agora a segunda pior defesa da competição com 18 gols sofridos. Apenas o Vasco, com 20, está atrás. Essa foi a segunda goleada sofrida pelo time do técnico Vagner Mancini em nove jogos. Na quinta rodada, a equipe catarinense perdeu para o Grêmio por 6 a 3, na Arena Condá, em Chapecó (SC).

Empurrado pela torcida, o Flamengo começou pressionando e abriu o placar logo aos 13 minutos em lindo chute de Diego. Rodinei cruzou da direita, Apodi cortou de cabeça e o meia pegou a sobra de primeira de fora da área marcando um golaço.

Cinco minutos mais tarde, Guerrero ampliou. Diego arrancou pela direita e serviu o centroavante, que se antecipou à defesa e completou com o pé direito para superar o goleiro Jandrei. Após os dois gols, o ritmo caiu, mas o Flamengo seguiu dominando a partida. A Chapecoense buscava surpreender em contra-ataques, mas parava na forte marcação do meio de campo flamenguista, com Márcio Araújo e Willian Arão antecipando as jogadas adversárias.

O jogo parecia tranquilo, mas aos 10 minutos do segundo tempo ganhou em emoção. Reinaldo levantou a bola em um lateral para a área, o goleiro Thiago falhou e a bola sobrou para o zagueiro Victor Ramos, que completou para o gol e diminuiu para a Chapecoense.

O time visitante cresceu, mas na bola parada o Flamengo matou o jogo. Aos 29 minutos, Diego cobrou escanteio, o colombiano Berrío cabeceou e Jandrei fez linda defesa. Na sobra, Juan cruzou, Willian Arão acertou o travessão e Guerrero completou no rebote para marcar pela segunda vez na partida.

Para garantir a vitória, Diego ainda ampliou quatro minutos mais tarde. O meia recebeu do próprio Guerrero, matou a bola no peito, ganhou a disputa contra Apodi e fuzilou para o fundo do gol. A bola ainda bateu na trave antes de entrar, sem chance de defesa para Jandrei.

E o atacante peruano estava inspirado. Três minutos depois, ele recebeu cruzamento de Everton e testou de cima para baixo, marcando o quinto do jogo e seu terceiro na partida para dar números finais à goleada.

Os dois times voltam a campo neste domingo, pela 10.ª rodada do Brasileirão. O Flamengo visita o Bahia, às 18h30, na Arena Fonte Nova, em Salvador, e a Chapecoense recebe o Atlético Mineiro, às 19 horas, em Chapecó.

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 5 x 1 CHAPECOENSE

FLAMENGO - Thiago; Rodinei, Réver (Rhodolfo), Juan e Trauco; Márcio Araújo (Romulo), Willian Arão e Diego; Berrío (Vinícius Junior), Guerrero e Everton. Técnico: Zé Ricardo.

CHAPECOENSE - Jandrei; Apodi, Douglas Grolli, Victor Ramos e Reinaldo; Andrei Girotto, Luiz Antonio e Seijas (Perotti); Arthur, Wellington Paulista (Túlio de Melo) e Rossi (Lucas Mineiro). Técnico: Vagner Mancini.

GOLS - Diego, aos 13, e Guerrero, aos 18 minutos do primeiro tempo; Victor Ramos, aos 10, Guerrero, aos 29 e aos 36, e Diego, aos 33 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Juan, Romulo e Everton (Flamengo); Andrei Girotto (Chapecoense).

ÁRBITRO - Leandro Bizzio Marinho (SP).

RENDA - R$ 834.628,00.

PÚBLICO - 13.436 pagantes (14.632 no total).

LOCAL - Estádio Luso-Brasileiro, no Rio de Janeiro (RJ).


Selecione sua cidade

Cascavel | Londrina