Sem torcida no San Siro, Inter de Milão massacra Benevento na Copa da Itália

Estadão Conteúdo
Futebol | Publicado em 13/01/2019 às 18:00

Foto: Matteo Bazi / EFE

Mesmo sem a presença de torcedores no San Siro, a Inter de Milão se classificou com facilidade às quartas de final da Copa da Itália. Neste domingo, o time aproveitou a fragilidade do Benevento, que disputa a segunda divisão nacional, e o massacrou por 6 a 2, avançando de fase na competição.

A Inter de Milão foi forçada a disputar a partida com os portões fechados do San Siro como parte da punição por cânticos racistas entoados por torcedores em partida contra o Napoli, válida pelo Campeonato Italiano, que foi disputada em 26 de dezembro.

O triunfo foi o terceiro consecutivo da Inter de Milão e vai levar o time dirigido por Luciano Spalletti a enfrentar a Lazio, que passou pelo Novara no sábado, na próxima fase da Copa da Itália.

Neste domingo, a Inter dominou o início da partida e abriu 2 a 0 com apenas sete minutos. Mauro Icardi abriu o placar aos três, tendo convertido cobrança de pênalti. Depois, acertou a trave em cabeceio, com Antonio Candreva aproveitando o rebote para ampliar.

O brasileiro Dalbert, que começou a partida entre os titulares, fez o terceiro aos 45, com um chute forte, que entrou no ângulo. Lautaro Martinez, de cabeça, ampliou aos três minutos do segundo tempo e voltou a marcar aos 18.

Após cada gol do argentino, o Benevento marcou duas vezes, com Roberto Insigne, irmão de Lorenzo Insigne, aos 13, e Filippo Bandinelli, aos 29 minutos. Mas nos acréscimos, Candreva fez o seu segundo gol na partida, fechando o placar em 6 a 2 para a Inter de Milão.

Também neste domingo, com dois gols de Federico Chiesa no fim do segundo tempo, aos 42 e aos 45 minutos, a Fiorentina se garantiu nas quartas de final da Copa da Itália ao derrotar o Torino por 2 a 0, fora de casa. Seu próximo oponente sairá do duelo entre Roma e Virtus Entella, time da terceira divisão nacional.



Relacionados

Futebol | 26-06-2019 19:00

Diretor corintiano revela que Romero recusou salário de US$ 100 mil em dezembro

Diretor corintiano revela que Romero recusou salário de US$ 100 mil em dezembro

Futebol | 26-06-2019 18:35

Ponte Preta rescinde com o zagueiro Nathan, que negocia com o Atlético-GO

Ponte Preta rescinde com o zagueiro Nathan, que negocia com o Atlético-GO

Futebol | 26-06-2019 17:50

Em reencontro com Rueda, Uribe prevê que Chile e Colômbia darão espetáculo

Em reencontro com Rueda, Uribe prevê que Chile e Colômbia darão espetáculo

Futebol | 26-06-2019 17:10

Polícia ouve ginecologista que atendeu Najila após suposto estupro de Neymar

Polícia ouve ginecologista que atendeu Najila após suposto estupro de Neymar