Linha 4

Publicidade

Após 23 anos como técnico de handebol, Giancarlos Ramirez se despede de Londrina

Redação Tarobá News

foto: Bruno Ruas

O final da temporada 2021 marca a despedida do treinador Giancarlos Ramirez de Londrina (PR). Após 23 anos como técnico de handebol na cidade, o profissional aceitou proposta para atuar na área de gestão esportiva em Joinville (SC), mais precisamente como coordenador de alto rendimento da Felej, a Fundação de Esportes, Lazer e Eventos de Joinville. Além disso, ele também vai assumir a coordenação de um projeto da modalidade no município do interior catarinense.

O primeiro ano de atuação de Giancarlos Ramirez no handebol londrinense foi 1998. Em pouco tempo, o treinador elevou o nível da equipe no cenário brasileiro e foi o principal responsável por comandar o projeto que chegou a disputar seis finais da Liga Nacional de Handebol, com dois títulos em 2005 e 2008, além da conquista do Campeonato Pan-Americano, em 2009. Vale mencionar também que o time de Londrina, ao lado da Metodista/São Bernardo (SP), é o maior campeão da Copa Brasil de Handebol, com quatro taças nos de 2004, 2005, 2008 e 2009.

- Eu saio de Londrina com sensação do dever cumprido e otimista com as novas oportunidades. Nesse período, representamos o nome de Londrina por 23 anos no cenário nacional e colocamos o nome da cidade no lugar mais alto do pódio, por duas vezes, na principal competição do país e, outra vez, no maior campeonato do continente. Se alcançamos isso foi graças a todos que nos apoiaram, em especial a Prefeitura de Londrina, Fundação de Esportes de Londrina, patrocinadores, atletas, Federação Paranaense de Handebol e a nossa torcida, que é a maior do handebol brasileiro – diz Giancarlos Ramirez.

O último trabalho do treinador junto ao time londrinense foi nas disputas da Liga Nacional de Handebol 2021. Mesmo com as dificuldades financeiras e logísticas impostas pela pandemia causada pelo Covid-19, Giancarlos Ramirez comandou o time londrinense, que não se classificou para a fase final da competição.

O técnico representou Londrina não apenas no comando do time da cidade. Desde o ano passado, ele atuou como auxiliar técnico da Seleção Brasileira de Handebol Masculino em amistosos e nas Olimpíadas de Tóquio 2020. Antes de iniciar os novos desafios em Joinville, Giancarlos Ramirez tem mais um compromisso. Ele será o técnico da Seleção Brasileira Sub-23, que irá disputar os Jogos Pan-Americanos da Juventude, de 26 de novembro a 6 de dezembro, na Colômbia.


COMENTÁRIOS

Publicidade

Publicidade

Nós usamos cookies teste site para lhe proporcionar a melhor experiência possível lembrando de preferências em visitas anteriores. Clicando em "Aceitar" você aceita o uso de cookies e nossos Termos de Uso.