Karatê fica fora de chamamento público de repasse de verbas

Redação Tarobá News
Luta | Publicado em 11/06/2019 às 13:15

A produção do Tarobá Esporte  de Cascavel, recebeu uma queixa dos atletas do karatê. A associação que abriga a modalidade ficou de fora do chamamento público que define o repasse de verbas do município. Agora, eles podem disputar as competições oficiais do Paraná por outras cidades.

Astes atletas do karatê estão órfãos. São filhos de Cascavel e não terão amparo do município. Nos últimos anos, eles vinham representando a cidade nas competições oficiais. E agora não terão o repasse de verbas da secretaria de esportes nesta temporada. Isso porque a associação responsável pela modalidade foi desqualificada no chamamento público, conforme a lei federal de número 13019, de 2014.

Como não tinha associação próprio, a equipe de karatê do professor Odair Baltazar foi abrigada pelo instituto escola de futebol de Cascavel. A associação abriga também as modalidades do futebol e da ginástica rítmica.



Relacionados

Luta | 01-08-2019 23:50

Brasil perde suas duas finais do dia no boxe nos Jogos Pan-Americanos

Brasil perde suas duas finais do dia no boxe nos Jogos Pan-Americanos

Luta | 31-07-2019 18:25

Com nova dobradinha, Brasil tem melhor campanha da história na ginástica no Pan

Com nova dobradinha, Brasil tem melhor campanha da história na ginástica no Pan

Luta | 29-07-2019 21:31

Brasil conquista ouro, prata e dois bronzes no tae kwon do em Lima

Brasil conquista ouro, prata e dois bronzes no tae kwon do em Lima

Luta | 28-07-2019 23:17

Netinho Pontes busca virada no fim e fatura ouro no taekwondo em Lima

Netinho Pontes busca virada no fim e fatura ouro no taekwondo em Lima