Rafaela Silva é prata e judô do Brasil fatura três medalhas no 1º dia em Tbilisi

Estadão Conteúdo
Luta | Publicado em 29/03/2019 às 13:00

O judô do Brasil conquistou três medalhas no primeiro dia de disputa do Grand Prix de Tbilisi, na Geórgia. O melhor resultado foi de Rafaela Silva, na categoria até 57kg. Ela avançou à final da competição, mas perdeu para a kosovar Nora Gjakova e faturou a prata.

Campeã olímpica no Rio, em 2016, Rafaela manteve a consistência neste início de temporada. Afinal, esta foi a terceira vez que ela chegou à decisão de uma etapa do Circuito Mundial. Mas tanto em Oberwart quanto em Dusseldorf, ela também sucumbiu na última luta e ficou com a prata.

Desta vez, a brasileira começou passando pela belga Mina Libeer, por um wazari. Depois, eliminou a casaque Sevara Nishanbayeva e a francesa Helene Receveaux por ippon. Em uma equilibrada decisão com Gjakova, chegou a ir para o golden score, mas foi eliminada ao levar uma terceira punição.

As mulheres brasileiras fizeram bonito nesta sexta e também foram responsáveis pelas outras duas medalhas em Tbilisi. Nathália Brígida (48kg) e Larissa Pimenta (52kg) subiram ao pódio e ficaram com o bronze.

Nathalia derrotou a georgiana Mariam Tsikhelashvili e a turca Nazlican Kilic antes de cair para a mongol Urantsetseg Munkhbat. Na repescagem, conseguiu vitórias por ippon sobre a ucraniana Maryna Cherniak e a húngara Eva Csernoviczki.

Já Larissa bateu a belga Amber Ryheul e a turca Irem Korkmaz, mas perdeu na sequência para a francesa Astride Gneto. Na repescagem, garantiu o bronze com os triunfos sobre a turcomena Gulbadam Babamuratova e a mongol Khorloodoi Bishrelt.

Na mesma categoria de Larissa, Yasmim Lima caiu logo na segunda luta e ficou distante da briga por medalhas. Entre os homens, Felipe Kitadai (60kg) chegou à repescagem, mas acabou na sétima posição. Phelipe Pelim (60kg) e Charles Chibana (66kg) caíram logo em suas estreias.

O judô brasileiro volta ao tatame em Tbilisi no sábado, com: Marcelo Contini (73kg), Eduardo Barbosa (73kg) e Maria Portela (70kg). A competição termina no domingo, quando mais três atletas do País lutarão por medalhas: Rafael Macedo (90kg), Rafael Buzacarini (100kg) e Beatriz Souza (+78kg).



Relacionados

Luta | 14-07-2019 15:05

Mayra Aguiar brilha em Budapeste e fatura ouro e liderança no ranking

Mayra Aguiar brilha em Budapeste e fatura ouro e liderança no ranking

Luta | 13-07-2019 15:50

Ketleyn Quadros e João Macedo ganham prata para o judô brasileiro em Budapeste

Ketleyn Quadros e João Macedo ganham prata para o judô brasileiro em Budapeste

Luta | 12-07-2019 19:15

Rafaela Silva é bicampeã do Grand Prix de Budapeste de Judô

Rafaela Silva é bicampeã do Grand Prix de Budapeste de Judô

Luta | 07-07-2019 08:35

Marreta faz boa luta, mas perde de Jon Jones por pontos no UFC 239

Marreta faz boa luta, mas perde de Jon Jones por pontos no UFC 239