Renan Torres exibe talento nos tatames e Brasil garante dois ouros no judô do Pan

Estadão Conteúdo
Luta | Publicado em 08/08/2019 às 21:20

Foto: Washington Alves/COB

Os judocas brasileiros conquistaram dois pódios no primeiro dia de disputa da modalidade nos Jogos Pan-Americanos de Lima. O destaque ficou por conta de Renan Torres, jovem de 20 anos que teve um desempenho excelente e ganhou a medalha de ouro na categoria até 60 kg. A outra medalha, de ouro também, foi de Larissa Pimenta.

"Eu acordei tranquilo e bastante confiante. Sou um dos mais novos da equipe e essa medalha dá força para meus companheiros nos próximos dias. Eu vinha treinando bastante e acho que fiz uma competição boa", disse o atleta, que ganhou na final de Lenin Preciado, do Equador, que foi campeão em Toronto-2015.

A trajetória de Renan foi tão boa que ele venceu todos seus rivais e eles, de tão fortes, chegaram ao pódio. A primeira luta foi contra Adonis Diaz, dos Estados Unidos, que depois foi bronze. O brasileiro também superou Roberto Almenares, de Cuba, outro que foi bronze. E na decisão bateu Preciado.

A japonesa Yuko Fujii, técnica da seleção masculina, elogiou o garoto. "Ele fez três lutas perfeitas. É novo, mas mostrou muita calma. Fiquei impressionada com o desempenho dele. Já estava muito confiante, mas lutou no primeiro dia, o que sempre é mais difícil, e chegou à medalha de ouro. Isso prova para os mais novos que eles também podem vencer e dá uma motivação a mais", comentou.

Já Larissa Pimenta confirmou o favoritismo na categoria até 52kg e ganhou da mexicana Luz Olvera. A luta foi bastante dura e parelha, e terminou empatada no tempo normal. O duelo seguiu para o golden score e, após quase seis minutos, a atleta do México recebeu seu terceiro shido e com isso a brasileira ganhou o ouro.

A única brasileira que não conseguiu a medalha foi Larissa Farias, da categoria até 48kg. Ela foi derrotada para a chilena Mary Dee Vargas no golden score após 17 minutos de luta na disputa do terceiro lugar. Ela havia herdado a vaga de Nathália Brígida, que se machucou, mas não conseguiu chegar ao pódio em Lima e ficou na quinta posição.



Relacionados

Luta | 31-08-2019 11:00

Jéssica Andrade é nocauteada em 42s e perde cinturão para chinesa Weili Zhang

Jéssica Andrade é nocauteada em 42s e perde cinturão para chinesa Weili Zhang

Luta | 31-08-2019 10:25

Brasil falha em 4 disputas e fica sem medalhas entre os pesados no Mundial

Brasil falha em 4 disputas e fica sem medalhas entre os pesados no Mundial

Luta | 29-08-2019 09:00

Em novo dia ruim do Brasil, Portela e Rafael Macedo caem cedo no Mundial de Judô

Em novo dia ruim do Brasil, Portela e Rafael Macedo caem cedo no Mundial de Judô

Luta | 27-08-2019 08:55

Rafaela Silva é bronze e Brasil conquista a primeira medalha no Mundial de Judô

Rafaela Silva é bronze e Brasil conquista a primeira medalha no Mundial de Judô