Federer sofre, mas bate Coric e sobrevive à rodada dupla em Roma; Nadal avança

Estadão Conteúdo
Tênis | Publicado em 16/05/2019 às 16:10

Foto: Instagram oficial Federer

Roger Federer sofreu nesta quinta-feira, mas sobreviveu à rodada dupla do Masters 1000 de Roma. Em um dia de programação cheia, em razão dos jogos atrasados pela chuva na quarta, o suíço praticamente disputou uma partida de Grand Slam nesta quinta, ao jogar cinco sets, nas duas partidas em que esteve em quadra para superar o português João Sousa e o croata Borna Coric. No total, permaneceu 3h51min no saibro italiano.

Federer venceu com facilidade o rival português no início do dia, por 6/4 e 6/3. Porém teve poucas horas de intervalo antes de enfrentar o descansado Coric, que só fez uma partida no dia. O atual número três do mundo precisou de 2h31min para buscar a virada, por 2 a 1, com parciais de 2/6, 6/4 e 7/6 (9/7).

O suíço chegou a salvar dois match points no terceiro set, em uma partida em que fez um péssimo início. Coric começou o duelo com duas quebras de saque. Chegou a abrir 4/0 no set inicial. O fraco rendimento do suíço se expressou nos 42 erros não forçados cometidos ao longo do jogo - o croata anotou 35.

Para compensar, Federer cresceu em quadra no segundo e terceiro set, com jogadas que levantaram o público presente no Foro Itálico. Foram 33 bolas vencedoras, contra 29 do rival. Mesmo assim, o suíço reclamou com o árbitro brasileiro Carlos Bernardes sobre as condições da quadra, a segunda em importância no complexo. Federer criticou, principalmente, o risco de escorregar sobre as fitas que demarcam a quadra.

Ganhando ritmo no saibro, superfície na qual não competiu nos últimos anos, o terceiro do mundo disparou nove aces, mas sofreu três quebras. E obteve apenas duas. Mesmo assim, obteve a vitória, graças ao bom rendimento no tie-break. Nas quartas de final, ele vai encarar o vencedor do duelo entre o local Fabio Fognini e o grego Stefanos Tsitsipas, dois tenistas que vêm embalados na gira de saibro.

NADAL TAMBÉM SOBREVIVE - Vice-líder do ranking, o espanhol Rafael Nadal também venceu dois jogos nesta quinta, porém sem sofrer tanto. Ele atropelou o georgiano Nikoloz Basilashvili por 2 a 0, com parciais de 6/1 e 6/2, em 1h02min. Mais cedo, eliminara o francês Jeremy Chardy por 2 a 0, com outro "pneu" (6/0 e 6/1), em 1h07min. Ou seja, permaneceu em quadra por 2h09min ao longo do dia.

Nas quartas de final, Nadal terá pela frente um velho conhecido. Será o compatriota Fernando Verdasco, que mostrou força nesta quinta. Nas duas partidas, bateu o austríaco Dominic Thiem, um dos favoritos ao título, e o russo Karen Khachanov.

FEMININO - Atual número 1 do mundo, a japonesa Naomi Osaka também precisou vencer dois jogos nesta quinta para avançar em Roma. Em seu segundo duelo do dia, ela bateu a romena Mihaela Buzarnescu por duplo 6/3. Nas quartas, sua adversária será a holandesa Kiki Bertens, que também enfrentou rodada dupla. Na segunda partida desta quinta, ela superou a espanhola Carla Suárez Navarro por 6/4, 1/6 e 6/3.

Em outro bom jogo do dia, a bielo-russa Victoria Azarenka despachou a espanhola Garbiñe Muguruza, que não resistiu à dura sequência do dia. Muguruza abandonou no segundo set, quando perdia por 6/4 e 3/1, em seu segundo duelo desta quinta. Azarenka encara agora a vitoriosa do confronto entre a norte-americana Madison Keys e a checa Karolina Pliskova.

Já Venus Williams não soube tirar vantagem do menor esforço físico na competição. Ela avançou na rodada anterior sem precisar entrar em quadra porque a irmã Serena desistiu do torneio. Nesta quinta, Venus acabou superada pela britânica Johanna Konta por 6/2 e 6/4. Konta enfrentará em seguida a vencedora da partida entre a checa Marketa Vondrousova e a russa Daria Kasatkina.

Vondrousova, por sinal, havia eliminado anteriormente, no seu primeiro jogo dia, a romena Simona Halep. A atual número dois do mundo, que tinha chances de terminar o campeonato de volta à liderança, caiu em três sets: 2/6, 7/5 e 6/3.

Ainda jogando a sua estreia, a checa Petra Kvitova venceu com facilidade nesta agitada quinta-feira, em Roma. Ela bateu a casaque Yulia Putintseva por 6/0 e 6/1. Sua próxima rival será a grega Maria Sakkari, algoz da estoniana Anett Kontaveit por 6/3 e 6/2.

MELO VENCE - Em sua segunda partida em Roma, a dupla formada por Marcelo Melo e por Lukasz Kubot venceu nesta quinta os austríacos Jurgen Melzer e Dominic Thiem por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 6/3, em 1h13min. O jogo, adiado de quarta-feira, garantiu o brasileiro e o polonês nas quartas de final.

Seus próximos adversários vão sair do duelo das parcerias dos argentinos Guido Pella e Diego Schwartzman contra o finlandês Henri Kontinen e o australiano John Peers. Melo e Kubot formam a dupla cabeça de chave número 1 da competição italiana, preparatória para Roland Garros.



Relacionados

Tênis | 17-05-2019 12:05

Nadal arrasa Verdasco e encara Tsitsipas na semifinal em Roma

Nadal arrasa Verdasco e encara Tsitsipas na semifinal em Roma

Tênis | 16-05-2019 11:05

Líderes do ranking, Djokovic e Osaka estreiam com vitória em Roma

Líderes do ranking, Djokovic e Osaka estreiam com vitória em Roma

Tênis | 15-05-2019 17:40

Com lesão no ombro direito, Maria Sharapova anuncia que não jogará Roland Garros

Com lesão no ombro direito, Maria Sharapova anuncia que não jogará Roland Garros

Tênis | 15-05-2019 16:45

Chuva faz Roma cancelar programação e adiar estreias de Nadal, Federer e Djokovic

Chuva faz Roma cancelar programação e adiar estreias de Nadal, Federer e Djokovic