Marcelo Melo e Kubot derrotam dupla da Áustria e vão às quartas de Montecarlo

Estadão Conteúdo
Tênis | Publicado em 18/04/2019 às 15:50

Foto: Marcelo Melo Instagram

O Brasil segue com todos seus representantes nas duplas do Masters 1000 de Montecarlo. Nesta quinta-feira, o mineiro Marcelo Melo, um dos principais tenista do País na atualidade, derrotou ao lado do polonês Lukasz Kubot os austríacos Dominic Thiem e Jürgen Melzer e avançou às quartas de finais do torneio realizado em quadras de saibro no Principado de Mônaco.

Cabeças de chave número 2 do torneio, Melo e Kubot se impuseram sobre os austríacos e precisaram de apenas 68 minutos para vencer a dupla adversária, convidada da organização, por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4. Seus próximos rivais serão os croatas Nikola Mektc e Franko Skugor.

O brasileiro e o polonês não deram chances para a dupla da Áustria, que apostava, sobretudo, no talento de Thiem, eliminado na chave de simples mais cedo pelo sérvio Dusan Lajovic. Os austríacos conseguiram salvar alguns break points 8 de 11 break points, mas não suportaram a pressão e perderam a primeira parcial 6 a 3. No segundo set, Melo e Kubot tiveram mais dificuldade, mas deslancharam e venceram três dos últimos quatro games para carimbar a classificação.

Outro tenista brasileiro que venceu e permanece na disputa do torneio monegasco é Marcelo Demoliner. Ao lado do russo Daniil Medvedev, o gaúcho superou os colombianos Juan Sebastian Cabal e Robert Farah, cabeças de chave número 4, por 6/2 e 6/4 e, com isso, alcançou a sua melhor marca na carreira ao chegar ao estágio das quartas. Ele e Medvedev agora vão medir forças com a parceria dos argentinos Maximo Gonzalez e Horacio Zeballos. Bruno Soares, parceiro do britânico Jamie Murray, também está vivo na competição.

CHAVE DE SIMPLES - Outros dois jogos nesta quinta em Montecarlo definiram os últimos tenistas que avançaram às quartas na chave de simples. Em recuperação na temporada, o italiano Fabio Fognini, 18º colocado do ranking mundial, conquistou a vaga à fase seguinte com uma vitória sobre o alemão Alexander Zverev, atual número 3 do mundo, por 2 sets a 1, com parciais de 7/6 (8/6) e 6/1.

Foi o terceiro triunfo seguido de Fognini na temporada. Ele enfrentará, agora, o croata Borna Coric, 13º colocado da ATP e cabeça de chave número 9 do torneio, que carimbou sua vaga para as quartas ao superar, com certa facilidade, o francês Pierre-Hugues Herbert (49º), por 6/4 e 6/2 em 1h41 de partida.



Relacionados

Tênis | 14-07-2019 15:45

Djokovic bate Federer, leva penta de Wimbledon e iguala feito de Borg

Djokovic bate Federer, leva penta de Wimbledon e iguala feito de Borg

Tênis | 14-07-2019 06:48

Federer e Djokovic colocam os seus recordes à prova em decisão

Federer e Djokovic colocam os seus recordes à prova em decisão

Tênis | 13-07-2019 12:15

Com atuação quase perfeita, Halep bate Serena e é a 1ª romena campeã em Wimbledon

Com atuação quase perfeita, Halep bate Serena e é a 1ª romena campeã em Wimbledon

Tênis | 12-07-2019 07:05

Federer pega Nadal em 40º capítulo da maior rivalidade do tênis

Federer pega Nadal em 40º capítulo da maior rivalidade do tênis