Com duas vitórias, Martine e Kahena saltam para a liderança do Mundial da 49erFX

Estadão Conteúdo
Vela | Publicado em 05/12/2019 às 11:20

Martine Grael e Kahena Kunze brilharam nesta quinta-feira no Mundial da classe 49erFX. As velejadoras brasileiras venceram duas das quatro regatas realizadas em Auckland, na Nova Zelândia, e saltaram do quinto para o primeiro lugar na classificação geral.

Nesta quinta, Martine e Kahena ganharam a primeira e terceira baterias, ficando em segundo lugar na disputa realizada entre os dois triunfos, além de terem somado uma quinta posição. Com o descarte de um nono lugar, estão com 23 pontos perdidos. As campeãs olímpicas têm, assim, 14 pontos de vantagem para Helene Naess e Marie Ronningen, da Noruega, e Kimberly Lim e Cecilia Low, de Cingapura.

Realizadas as oito primeiras regatas do Mundial, a competição agora passa para a flotilha dourada, com as 25 melhores embarcações. Serão mais oito baterias, seguidas pela realização da medal race.

Auckland também recebe nesta semana o Mundial de outras duas classes. Na Nacra 17, depois de oito regatas, Samuel Albrecht e Gabriela Nicolino estão em décimo lugar, com João Bulhões e Isabela Swan na 20ª colocação. E ambas as duplas prosseguem para a flotilha dourada.

Além disso, na classe 49er, Marco Grael e Gabriel Borges ocupam a 18ª posição após a disputa de nove baterias e estão garantidos na flotilha dourada.



Relacionados

Vela | 10-08-2019 18:35

Martine e Kahena são campeãs no Pan e brasileiros levam mais 2 ouros na vela

Martine e Kahena são campeãs no Pan e brasileiros levam mais 2 ouros na vela

Vela | 09-08-2019 20:05

Brasil conquista dois ouros na vela e um no hipismo do Pan

Brasil conquista dois ouros na vela e um no hipismo do Pan

Vela | 08-08-2019 16:50

Remo do Brasil conquista dois bronzes no primeiro dia de finais no Pan

Remo do Brasil conquista dois bronzes no primeiro dia de finais no Pan

Vela | 05-07-2019 10:45

Scheidt sobe para 7º no Mundial e está na zona de classificação

Scheidt sobe para 7º no Mundial e está na zona de classificação