França derrota o Canadá por 3 a 1 e enfrenta o Brasil na decisão da Liga Mundial

Estadão Conteúdo
Vôlei | Publicado em 07/07/2017 às 20:15

Foto: divulgação

A seleção brasileira masculina de vôlei conheceu nesta sexta-feira o seu adversário na decisão da Liga Mundial. Será a França, que superou o Canadá na semifinal por 3 sets a 1 - com parciais de 25/19, 22/25, 25/19 e 25/21 -, em uma quadra montada na Arena da Baixada, o estádio do Atlético Paranaense, em Curitiba.

Pouco antes, a equipe do técnico Renan Dal Zotto havia se garantido na decisão da Liga Mundial ao superar os Estados Unidos também por 3 sets a 1 - com parciais de 25/20, 23/25, 25/20 e 25/19.

A final será neste sábado, às 23h05, na Arena da Baixada, e marcará um importante desafio para o Brasil: campeã em 1993, 2001, 2003, 2004, 2005, 2006, 2007, 2009 e 2010, a equipe não vence o torneio há sete anos. Pode, assim, quebrar a marca com o "estreante" Renan Dal Zotto, substituto de Bernardinho.

Para vencer o duelo desta sexta-feira, a França foi mais agressiva e terminou com mais pontos marcados no ataque (50 a 45) e no saque (9 a 4). Destaque especial para Earvin Ngapeth, que fechou o jogo com 24 acertos.

A seleção francesa venceu a competição em 2015, quando superou a Sérvia no ginásio do Maracanãzinho, no Rio, e conquistou o bronze em 2016. Já o Brasil foi vice no ano passado e em 2014, 2013 e 2011.



Relacionados

Vôlei | 14-07-2018 09:40

Ágatha e Duda vencem dupla dos EUA e vão à semifinal do vôlei de praia em Gstaad

Ágatha e Duda vencem dupla dos EUA e vão à semifinal do vôlei de praia em Gstaad

Vôlei | 13-07-2018 17:50

Sem jogar, dupla brasileira avança às quartas em etapa da Suíça do vôlei de praia

Sem jogar, dupla brasileira avança às quartas em etapa da Suíça do vôlei de praia

Vôlei | 12-07-2018 18:45

Zé Roberto anuncia primeiras convocadas da seleção feminina para o Mundial

Zé Roberto anuncia primeiras convocadas da seleção feminina para o Mundial

Vôlei | 11-07-2018 19:01

Sem Maurício Borges, Renan convoca seleção masculina para a disputa do Mundial

Sem Maurício Borges, Renan convoca seleção masculina para a disputa do Mundial