Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Incêndios em Londrina superam registros de 2022; Bombeiros fazem alerta

26/09/23 às 14:21 - Escrito por Redação Tarobá News
siga o Tarobá News no Google News!

Os incêndios ambientais de 2023, em Londrina, já passaram a marca do que foi registrado em todo ano de 2022.


O Corpo de Bombeiros orienta a população a não colocar fogo em lixo ou em folhas e galhos secos, principalmente neste período de maior calor.


A vegetação seca é só um dos fatores que colaboram para o risco de incêndio ambiental. Com o tempo quente e sem chuva, o ambiente fica mais propício ao fogo, mas este cenário, apenas, não ofereceria preocupação, não fosse a ação humana.

Leia mais:

Imagem de destaque
INCÊNDIO

Curto-circuito em hamburgueria mobiliza Corpo de Bombeiros ao Brasmadeira

Imagem de destaque
FALHA MECÂNICA

Corpo de Bombeiros é acionado para apagar incêndio em veículo na Av. JK

Imagem de destaque
SEM PREJUÍZOS

Incêndio em sofá mobiliza Bombeiros ao Jardim Nossa Senhora da Paz

Imagem de destaque
EMPRESA DE RAÇÃO

Princípio de incêndio é registrado em empresa na Avenida Jamil Scaff


“O fator predominante ainda é a irresponsabilidade da ação humana” pontua o Capitão Rene Augusto.


Até setembro, o 3º Grupamento de Bombeiros, que abrange 40 municípios da região de Londrina, registrou 178 incêndios ambientais tanto na área rural, quanto na região urbana das cidades atendidas.


Em 2022 foram registradas 161 ocorrências desse tipo. Considerando apenas o período do inverno, o aumento ficou em torno de 20%, com 79 incêndios ambientais em 2022 e 96 em 2023.


A orientação é para que a população não faça queimadas, mesmo que em um pequeno amontoado de lixo. As fagulhas podem ser levadas pelo vento e desencadear grandes incêndios.


O Capitão Rene Augusto orienta que “se dê a correta destinação a matos secos, restos de folhagens de podas de árvores, enfim, para evitar os incêndios”.

© Copyright 2023 Grupo Tarobá