Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Moraes rejeita ação do PL e multa o partido em R$ 22,9 milhões

24/11/22 às 08:36 - Escrito por Band

O ministro Alexandre de Moraes, presidente do Tribunal Superior Eleitoral, rejeitou a ação apresentada pelo PL, partido do presidente Jair Bolsonaro, que pede a anulação de votos de 279 mil urnas segundo turno das eleições e multou o partido em R$ 22,9 milhões por conduta de litigância de má-fé.


O presidente do TSE também determinou o bloqueio e a suspensão dos repasses do Fundo Partidário à sigla até que a multa seja quitada e a abertura de um processo administrativo pela Corregedoria-Geral Eleitoral para apurar "eventual desvio de finalidade na utilização da estrutura partidária, inclusive de Fundo Partidário".


Moraes acrescentou que "as mesmas urnas eletrônicas, de todos os modelos em uso, foram empregadas por igual tanto no Primeiro Turno como no Segundo Turno das Eleições 2022, sendo impossível dissociar ambos dos períodos de um mesmo pleito eleitoral", disse Moraes na decisão divulgada nesta quarta-feira, ao argumentar que há uma inépcia inicial no pedido."

© Copyright 2022 Grupo Tarobá