Polícia prende quatro acusados de integrar 'tribunal do crime' do PCC

Estadão Conteúdo
Brasil | Publicado em 13/06/2017 às 19:45

Quatro pessoas foram presas nesta terça-feira, 13, em Guará (SP) acusadas de envolvimento com a facção criminosa PCC e de atuarem em uma espécie de "tribunal do crime". Outros dois suspeitos fugiram.

No mês passado, o grupo teria mantido um homem em cárcere privado e sob tortura por três dias. Ele foi salvo pela polícia antes e hoje está inserido no programa de proteção a testemunhas.

O delegado Rafael Leão não revelou os motivos do crime e a identidade da vítima por motivos de segurança. "Não podemos passar muita coisa, até porque o caso continua sob investigação", justificou.

A ação nesta terça-feira também cumpriu seis mandados de busca e apreensão, tendo contado com a participação de 50 policiais civis de Franca (SP) e do Grupo de Operações Especiais (GOE) de São Paulo.



Relacionados

Brasil | 06-10-2018 16:19

Mais de 120 jornalistas são agredidos ao cobrir as eleições de 2018

Mais de 120 jornalistas são agredidos ao cobrir as eleições de 2018

Brasil | 05-10-2018 17:44

Nova lista suja de trabalho escravo denuncia 209 empresas

Nova lista suja de trabalho escravo denuncia 209 empresas

Brasil | 05-10-2018 17:37

Terras indígenas não demarcadas devem ter posto de saúde, decide TRF1

Terras indígenas não demarcadas devem ter posto de saúde, decide TRF1

Brasil | 05-10-2018 16:21

Missa e minuto de silêncio marcam 1 ano de incêndio

Missa e minuto de silêncio marcam 1 ano de incêndio

PUBLICIDADE