Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Com redução no custo de investimento, produtores rurais apostam em energia renovável

07/06/24 às 13:05 - Escrito por Redação Tarobá News
siga o Tarobá News no Google News!

Uma fonte de enegia inesgotável. Esses seis aviários são mantidos com energia solar. O produtor de Cascavel investiu no sistema para se tornar mais competitivo, já que a energia elétrica é um dos principais custos da atividade.


As primeiras placas foram instaladas em 2021. Hoje são 360 painéis solares. Potência suficiente para a granja e outras propriedades. A conta de luz não incomoda mais.


Segundo a FAEP, nos últimos sete anos o Paraná deu um salto no uso de energia renovável no campo: passou de 47 usinas, em 2017  para 31,5 mil usinas, em 2023.

Leia mais:

Imagem de destaque
PREÇOS ATUALIZADOS

Decreto publicado reajusta serviços prestados pela Acesf em Londrina

Imagem de destaque
EM TRÂMITE

Trecho do Calçadão de Londrina deve passar por revitalização a partir de 2025

Imagem de destaque
ENTENDA

Sanepar afirma que troca de hidrômetros serão mais precisos nas cobranças

Imagem de destaque
DESAFIO DO CHEF

Elisabete de Dois Vizinhos é a grande Campeã do Desafio do Chef!


Um dos motores para o crescimento foi a queda de preços dos paineis fotovoltaicos. Uma pesquisa apontou que os valores de alguns conjuntos recuaram até 40% em 2023.


O programa Renova Paraná tem sido outro catalisador, com linhas de financiamento mais baratas. No primeiro trimestre deste ano, a procura pro financiamentos cresceu 35% em relação ao ano passado.


Álvaro já pensa em construir novos aviários. O sol tem sido um belo aliado para ligar os objetivos.

Notícias relacionadas

© Copyright 2023 Grupo Tarobá