Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Concurso para professores da rede municipal já recebeu mais de duas mil inscrições

04/10/22 às 14:31 - Escrito por

Quase dois mil candidatos já se pré-inscreveram para o concurso público que visa a contratação de professores para a rede municipal de ensino de Londrina. As inscrições abriram no último sábado (1) e terminam no dia 26 de outubro.


Para participar, os interessados devem acessar o site da Coordenadoria de Processos Seletivos (Cops) da Universidade Estadual de Londrina (UEL), a organizadora do certame. A taxa de inscrição tem o valor de R$70. Estão abertas 369 vagas, destas 313 são de ampla concorrência, 37 para afro-brasileiros e 19 para pessoas com deficiência. 


Para concorrer a uma delas, o candidato precisa ter, no mínimo, 18 anos de idade e ter concluído o ensino superior em Pedagogia (em licenciatura), ou o Normal Superior ou o Curso de magistério de Nível Médio desde que acompanhado da graduação em Licenciatura plena. A expectativa é que os candidatos aprovados já comecem a trabalhar em fevereiro.


Os professores aprovados no concurso público trabalharão no ensino fundamental e infantil exercendo jornada de trabalho de 30 horas semanais. O salário será de R$ 4.691,09, em que estão inclusos o salário básico, complementação salarial, assiduidade, gratificação de magistério e o auxílio alimentação.


O concurso terá três fases, prova objetiva, discursiva e de títulos, que acontecerão todas no mesmo dia, em 27 de novembro, a partir das 13h. “Foi difícil encontrar uma data que desviasse dos dias dos jogos da Copa, então tudo foi centralizado no dia 27”, explicou a secretária municipal de Recursos Humano, Julliana Bellusci.


As provas objetiva e discursiva terão caráter eliminatório e classificatório. Já a prova de títulos será classificatória e os candidatos deverão entregar os envelopes lacrados com as cópias dos documentos requeridos para os fiscais do certame, na própria sala de aula em que o candidato realizará a prova objetiva e a subjetiva.


A prova será com questões de múltipla, contendo cinco alternativas (a, b, c, d, e), sendo uma delas a correta. Serão aplicadas 12 questões de língua portuguesa, 12 de matemática, seis de tecnologia, 20 de conhecimentos específicos, totalizando 50 questões. Os candidatos que não alcançarem, no mínimo, 50% de acerto na prova objetivo serão automaticamente excluídos do concurso público.


O resultado será publicado no dia 26 de janeiro de 2023, às 17h, no site da Cops/UEL. Os insatisfeitos poderão interpor recurso, sendo que a homologação final do concurso sairá às 17h, do dia 31 de janeiro.


Conforme Bellusci, há possibilidade de chamamento de mais profissionais em um futuro próximo. “Internamente nós conhecemos que há demanda por aposentadorias que podem acontecer já no próximo ano e possivelmente haverá a geração de mais vacâncias”, disse.

© Copyright 2022 Grupo Tarobá