Linha 4

Publicidade

Semana Nacional de Trânsito foca também em futuros condutores e na importância do processo de habilitação

Redação Tarobá News

Foto: Assessoria

O senso de responsabilidade começa desde criança e com este objetivo a Semana Nacional de Trânsito está sensibilizando em Cascavel todos os públicos, incluindo os futuros condutores. Jovens que estão chegando próximo da idade de dirigir já são orientados sobre os riscos de pegar um veículo motorizado sem o devido preparo, com um viés educativo. E os pais alertados para o perigo de autorizar a direção antes da habilitação.

Estudantes do 9º ano que estão participando das ações no calçadão, onde a estrutura do Município e parceiros foi montada, estão tendo oportunidade de experimentar um simulador de direção, o qual é utilizado nas aulas para primeira habilitação. “Estamos levando os jovens até um Centro de Formação parceiro, para que possam fazer uma aula no simulador e conhecer os riscos de se conduzir veículo motorizado sem o devido preparo. Esta experiência é importante para que tenham noção do risco de pegar uma moto ou um carro sem antes ter a idade mínima exigida por lei e a formação específica”, explica a encarregada do setor de Educação e Cidadania da Transitar.

Esta conscientização é importante. Este ano em Cascavel, dentre os 45 óbitos, um total de 19 ocorreu no perímetro urbano. Desses, 13 envolvendo motociclistas, sendo que seis estavam sem habilitação.

Motoristas passam por blitz educativa

A falta de CNH, assim como a necessidade de se utilizar corretamente equipamentos de segurança veicular esteve em foco hoje também nas ações educativas tanto da Transitar e da Polícia Militar, no Centro da cidade, como da PRF, na rodovia no período da manhã, como parte das atividades da Semana de Trânsito, que é realizada em todo o Brasil de 18 a 25 de setembro, com cunho educativo focando no tema “No Trânsito, sua responsabilidade salva vidas”.

Mais de 200 estudantes nesta quinta (23)

Hoje mais de 200 estudantes participaram das atividades lúdicas e educativas. Além das escolas municipais Caic I, Escola Dulce Andrade Siqueira Cunha pela manhã e Escola Atílio Destro à tarde, instituições privadas manifestaram interesse, além do público que visita espontaneamente o espaço. Eles fazem o circuito educativo da Transitar com agentes e educadores de trânsito e da Secretaria de Saúde.

Acidente, um problema de saúde pública

O circuito da Secretaria de Saúde construído com dinâmicas de conscientização utilizando cadeira de rodas, bengalas de deficientes visuais, talas de imobilização para braço e pernas com o objetivo de conscientizar sobre os riscos e consequências de um acidente de trânsito foi organizado por profissionais de saúde assistentes sociais do Programa de Residência em Saúde da Família (PRMSF).

O grupo também elaborou um material impresso de conscientização e está promovendo ações educativas diariamente com o público que passa pelo calçadão, a partir do conceito de que acidente é problema de saúde pública, buscando minimizar riscos de sinistros, imprudências e negligências no trânsito.

“Esta intervenção busca promover a partir do diálogo as potencialidades da população, especialmente da classe trabalhadora, contribuindo para que seja melhorada a segurança de vida, a liberdade de locomoção e a segurança no trânsito de pedestres, ciclistas e condutores. Enquanto residente considero uma ação transformadora que constitui um importante processo de formação teórica e prática”, destaca Matheus Henrique Rossatto.

Simulado encerra estrutura no calçadão nesta sexta (24)

As atividades da Semana de Trânsito seguem em Cascavel até sábado (25), com ações descentralizadas. No Calçadão, o ponto alto desta sexta-feira (24) será um simulado de acidente de trânsito, coordenado pelo Corpo de Bombeiros, com a participação do Siate, Samu, Transitar e PM, o qual encerra as atividades na Avenida Brasil em frente à Catedral, que serão realizadas até meio-dia.

A ação será realizada às 12 horas, demonstrando riscos de envolvimento de colisão entre auto e moto, com vítima. O objetivo é mostrar a vulnerabilidade principalmente do motociclista.

Demais ações desta sexta-feira

8h30 às 12h – Foco na saúde do motorista, com apoio do Sest/Senat em ação na Pioneira. Serão realizados atendimentos aos trabalhadores com aferição de pressão, exame de glicemia, etc.

10h às 15h – Foco na saúde do motorista, com equipes de saúde, físico e mental para atendimento dos motoristas e também corte de cabelo no SAU da Ecocataratas, na BR-277 KM 574.

12h às 12h30 - Simulado de Acidente de Trânsito na Avenida Brasil.

8h às 12h – Ações educativas na estrutura em frente à Catedral.

Assessoria

COMENTÁRIOS

Publicidade

Publicidade

Nós usamos cookies teste site para lhe proporcionar a melhor experiência possível lembrando de preferências em visitas anteriores. Clicando em "Aceitar" você aceita o uso de cookies e nossos Termos de Uso.