Linha 4

Publicidade

Combate ao alcoolismo: Grupo alcoólicos anônimos ajuda usuários a sair vício

Redação Tarobá News

Os relatos que você ouve são de duas pessoas dependentes de bebida alcoólica, para preservar as identidades, daremos nomes fictícios. Sandra e Antônio. Ambas fazem parte do grupo AA - Alcoólicos Anônimos, que é uma comunidade com carácter voluntário que se reúne para alcançar e manter a sobriedade através da abstinência total de ingestão de bebidas. Mas até alcançar a consciência de que a ajuda é necessária, esse caminho pode ser longo.

Sandra passou por momentos em que o álcool afetou a própria sanidade e a fez brigar constantemente com o marido. Depois de tentar contra a própria vida, Sandra percebeu que precisava de apoio. Mas mesmo com uma rede de ajuda, nem sempre o foco é mantido, como aconteceu com o Antônio.

Antônio, hoje com 55 anos sofre com as sequelas deixadas pelo álcool. A dependência do álcool geralmente representa um impacto profundo em diversos aspectos da vida do indivíduo e também daqueles que estão ao redor, é muito difícil para a família ver aquele ente se afundando pela bebida. Mas a família é peça-chave tanto na prevenção do uso do álcool, como em casos em que o problema já está instalado. Inclusive, muitas vezes o tratamento inicia-se pela família, principalmente porque o usuário de álcool não aceita o problema.

Essa senhora que também mantém o anonimato conseguiu mudar a realidade da irmã por meio do AA. Embora o alcoolismo seja uma doença tratável, ainda não há cura. Isto significa que mesmo que um dependente de álcool esteja sóbrio por muito tempo, ele é suscetível a recaídas. Do mesmo modo, é importante que essas pessoas entendam que não estão sozinhas e que mesmo em meio ao problema, há uma luz no fim do túnel.


COMENTÁRIOS

Publicidade

Publicidade