Linha 4

Publicidade

Leitos de UTI de Cidade do Leste chegam aos 100% de ocupação

Redação Tarobá News

ABC Color

As autoridades de saúde de Cidade do Leste, no Paraguai, acreditam que a cidade vive uma segunda onda de casos de Covid-19, desta vez mais agressiva. Na terça-feira (2) os leitos de Unidade de Terapia Intensiva destinados à doença chegaram a 100% de ocupação no Hospital Integrado Respiratório. Muitos dos casos são de reinfecção.

O diretor da 10º Região Sanitária, Dr. Hugo Kunzle, acredita que o aumento da contaminação nas últimas seis semanas se deve às aglomerações em festas feitas por jovens nos finais de semana. “Na semana passada tínhamos 35 pacientes internados na enfermaria, agora temos 55. Isso reflete o número elevadíssimo de pessoas contaminadas e um alto número de circulação comunitária do vírus”, disse.

Dr. Kunzle explica que se a situação de saúde de algum desses 55 pacientes se agravar, será difícil encontrar um leito vago de UTI, sendo que as unidades estão lotadas em todo o país. A “segunda onda” também está afetando os profissionais de saúde. Um médico está internado em estado grave na UTI e cinco enfermeiros internados e vários em isolamento.

Para Kunzle, as aglomerações em eventos aos finais de semana são vergonhosas. “Vocês foram testemunhas dos vexatórios cenários de bailes com aglomerações de pessoas, principalmente de jovens e não são mais festas clandestinas. Agora vemos festas organizadas por grupos de eventos e hotéis, restaurantes e pubs. Pedimos a colaboração dos órgãos de segurança, que a polícia e fiscalização intervenham e façam cumprir o protocolo sanitário”, disse o médico.


Rádio Cultura Foz

COMENTÁRIOS

Publicidade

Publicidade