Londrina
Cascavel

TV Tarobá

Tarobá FM

  • Londrina
  • Cascavel

“Amigo de verdade é coisa pra se guardar”

20/07/18 às 11:51 - Escrito por Redação Tarobá News


Hoje (20), comemora-se o Dia do Amigo, aquelas pessoas, quase sempre poucas, não enchem os cinco dedos de uma mão na maioria das vezes, mas que estão ao nosso lado para o que der e vier. Amigos do peito que depositamos nossa total confiança. Em nossas mentes ficam guardadas as emoções que junto a eles vivemos intensamente. Vinicius de Moraes já dizia: “Eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos os meus amores, mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos”. Amigo é coisa mesmo pra se guardar e essa frase famosa do cancioneiro popular brasileiro já ganhou e ganha o coração de muitos brasileiros.

Milton Nascimento sempre foi um homem de amigos verdadeiros. Nascido no estado de Minas Gerais, o cantor e compositor encantava quem o conhecia por seu talento, simplicidade e simpatia. Foi ele quem compôs o que se tornou um hino à amizade na MPB, a música Canção da América, escrita originalmente em inglês durante o período que passou em Los Angeles.

Embora a música tenha sido composta para um amigo sul-africano que Milton Nascimento conheceu em Los Angeles durante uma de suas gravações, a principal lembrança que os brasileiros tem de “Canção da América” é por sua utilização durante o velório de Ayrton Senna.

Amigos desde o início da carreira do piloto, Milton Nascimento e Ayrton Senna tiveram uma trajetória de amizade que perdurou até a morte do piloto, no trágico acidente ocorrido durante o Grande Prêmio de San Marino, no autódromo de Ímola, localizado na Itália.

A música Canção da América era uma das preferidas de Ayrton, motivo pelo qual durante o velório do piloto a música era tocada ao fundo, e amplamente utilizada pelos meios de comunicação em homenagens póstumas. A proximidade dos dois era tanta que a família de Ayrton Senna presenteou Milton com o capacete que o piloto usaria na corrida posterior ao GP de San Marino, que infelizmente não contou com a presença de Senna.

A morte do piloto quase gerou o fim da carreira de Milton Nascimento. Para o cantor, a sequência de falecimentos de amigos (entre eles, Elis Regina, sua musa inspiradora para várias canções) foi um choque tão grande em sua vida que, por um momento, pensou em desistir da música. Mas, durante o show que seria o último, um garoto do coral que participava das apresentações ficou olhando o cantor incessantemente, com uma expressão enigmática. Para Milton Nascimento aquilo era um sinal de que não deveria parar, que deveria continuar a viver a vida dando o seu melhor.

E para finalizar este post especial do dia do amigo, deixamos a letra dessa linda canção para que lembremos sempre de nossos amigos, tanto dos presentes quanto dos ausentes. Um ótimo dia pra você!

Canção da América

Amigo é coisa para se guardar

Debaixo de sete chaves

Dentro do coração

Assim falava a canção que na América ouvi

Mas quem cantava chorou

Ao ver o seu amigo partir


Mas quem ficou, no pensamento voou

Com seu canto que o outro lembrou

E quem voou, no pensamento ficou

Com a lembrança que o outro cantou


Amigo é coisa para se guardar

No lado esquerdo do peito

Mesmo que o tempo e a distância digam "não"

Mesmo esquecendo a canção

O que importa é ouvir

A voz que vem do coração


Pois seja o que vier, venha o que vier

Qualquer dia, amigo, eu volto

A te encontrar

Qualquer dia, amigo, a gente vai se encontrar

Feliz dia do Amigo! São os votos de toda a equipe do portal Tarobánews 


Da redação com informações do Memorial Parque da Paz

© Copyright 2022 Grupo Tarobá