Bêbado provoca tumulto durante velório

Redação Tarobá News
Cotidiano | Publicado em 18/05/2019 às 09:58

Na noite de ontem (17), um homem de 32 anos e em visível estado de embriaguez não respeitou nem o velório que estava ocorrendo na capela mortuária de Laranjeiras do Sul. A PM foi acionada para atender a uma perturbação de sossego. 

De acordo com um homem de 52 anos que estava no velório da tia, o bêbado chegou ao local e começou a perturbar. Foi pedido que ele se retirasse, mas o homem embriagado se recusou. Como havia interesse em representação, os dois foram levados para a 2ª Cia. 

Mais tarde, policiais militares foram chamados para atender a um caso de invasão de residência na Av. Santos Dumont. O que não se esperava é que o invasor era o mesmo homem bêbado que já tinha causado tumulto no velório. 

De acordo com o morador de 35 anos, o homem de 32 anos embriagado, pulou os muros da casa dele, e muito agressivo investiu descontrolado gritando contra a irmã do morador, que não estava no local e foi chamado pelos pais que ficaram desesperados com a situação. 

Ao chegar, ele afirmou que tentou conversar com o agressor, e que em nova tentativa de agressão, em legítima defesa, deu um soco no homem, provocando um corte no supercílio esquerdo. 

O agressor foi encaminhado ao plantão do hospital São Lucas para atendimento e depois, novamente para 2ª Cia para elaboração de outro boletim de ocorrência.


Fonte: RedeSul de Notícias



Relacionados

Cascavel | 17-01-2020 15:40

Relatório diário de pacientes aguardando leitos

Relatório diário de pacientes aguardando leitos

Londrina | 17-01-2020 15:35

Aeroporto de Londrina ultrapassa marca de 1 milhão de passageiros em 2019

Aeroporto de Londrina ultrapassa marca de 1 milhão de passageiros em 2019

Londrina | 17-01-2020 15:00

Moradores estão revoltados com falta de recape em rua na zona leste de Londrina

Moradores estão revoltados com falta de recape em rua na zona leste de Londrina

Londrina | 17-01-2020 14:40

Prevendo 'epidemia explosiva', prefeitura prepara campanha contra dengue

Prevendo 'epidemia explosiva', prefeitura prepara campanha contra dengue

PUBLICIDADE