Lixo reciclável: coleta tem sido cada vez mais disputada entre cooperativas e autônomos

Redação Tarobá News
Cotidiano | Publicado em 22/10/2019 às 13:18

A disputa pelo lixo reciclável em Cascavel tem sido cada vez maior. O número de pessoas trabalhando nessa atividade aumentou e isso tem se transformado em um problema social.

Já são 12 anos assim, empurrando um carrinho pelas ruas faça sol ou faça chuva. O lixo reciclável deixado em frente as casas é o ganha pão do Valdecir. Só que não tem sido o suficiente para sustentar toda a família. O último mês só rendeu 450 reais e nesta casa são pelo menos cinco pessoas pra alimentar.

A esposa ajuda na separação dos recicláveis, mas o suor do trabalho não tem rendido o bastante para dar mais qualidade de vida para os filhos. O problema é que a concorrência tem se tornado desleal. O número de pessoas nessa atividade em Cascavel aumentou muito nos últimos tempos. Algumas dessas pessoas muito bem equipadas, inclusive. Tornando o trabalho dos catadores menores muito mais difícil.



Relacionados

Cascavel | 30-05-2020 10:51

Fisioterapeutas são capacitados em curso de manejo de ventilação mecânica no Hospital de Retaguarda

Fisioterapeutas são capacitados em curso de manejo de ventilação mecânica no Hospital de Retaguarda

Cascavel | 30-05-2020 10:48

Vigilância Sanitária inicia fiscalização sobre uso de máscaras

Vigilância Sanitária inicia fiscalização sobre uso de máscaras

Cascavel | 30-05-2020 09:14

Novo Max Atacadista abre 300 vagas de emprego; veja como participar do processo seletivo

Novo Max Atacadista abre 300 vagas de emprego; veja como participar do processo seletivo

Londrina | 29-05-2020 21:39

Após Leste-Oeste, iluminação de LED será instalada na avenida Theodoro Victorelli

Após Leste-Oeste, iluminação de LED será instalada na avenida Theodoro Victorelli