Prefeitura decreta normas para famílias retiradas do Jardim Gramado

Redação Tarobá News
Cotidiano | Publicado em 15/04/2019 às 07:42

Desde a reintegração de posse do Jardim Gramado, em Cascavel, há quase dois anos, algumas famílias estão vivendo em imóveis cedidos pela Prefeitura. Na quinta-feira, o município publicou um decreto com regras para os moradores.

O decreto determina, por exemplo, como as famílias devem proceder na hora de fazer ampliações, e estipula regras que impedem a venda dos imóveis. As regras e procedimentos já tinham sido anunciadas de maneira informal pela Prefeitura quando as áreas foram cedidas, mas agora são lei. 

Segundo a companhia de habitação, o que motivou o decreto foram irregularidades, como venda, aluguel e abandono das casas. O decreto se aplica a 26 famílias, que vivem no Santa Felicidade e no Turisparque. 

São ex-moradores do Jardim Gramado, onde a justiça determinou a reintegração de posse em maio de 2017. Parte das famílias chegou a morar num ginásio improvisado por vários meses, até que os terrenos da Prefeitura fossem cedidos, o decreto também regulariza as ampliações dos imóveis, que podem ser feitos desde que haja autorização da Prefeitura. Em algumas casas, os moradores investiram em portões, muros, e outras melhorias.



Relacionados

Cascavel | 21-04-2019 10:21

Após acidente com lanchas, morre empresário Hari Lagemann

Após acidente com lanchas, morre empresário Hari Lagemann

Tapejara | 21-04-2019 08:34

Menina de dois anos morre afogada em represa nos fundos de casa em Tapejara

Menina de dois anos morre afogada em represa nos fundos de casa em Tapejara

Foz do Iguaçu | 21-04-2019 08:04

Com fortes chuvas novo desvio é realizado na BR 277

Com fortes chuvas novo desvio é realizado na BR 277

Maringá | 20-04-2019 16:50

Mulher faz topless em carro de luxo pelas ruas de Maringá

Mulher faz topless em carro de luxo pelas ruas de Maringá

PUBLICIDADE