Prefeitura estuda formas de administrar o novo Hospital Municipal

Redação Tarobá News
Cotidiano | Publicado em 19/07/2019 às 09:27

Com o plano de inaugurar o Hospital de retaguarda em Cascavel, a prefeitura estuda de que forma administrar o espaço. A princípio, a meta era que a própria prefeitura fizesse a administração, mas os gastos com servidores já chegaram no limite.

Segundo o secretário de saúde, alternativa que parece mais viável no momento é firmar convênio com uma entidade filantrópica, sem fins lucrativos, para administrar o hospital.

O Hospital Municipal de Cascavel vai funcionar na estrutura do antigo Santa catarina, no bairro São Cristóvão. Hoje o espaço abriga a UPA do Brasília, porque a estrutura original da UPA está sendo reformada. Depois que a UPA voltar para o local de origem, haverá um prazo de 60 dias para o hospital municipal começar a funcionar aqui.

O hospital vai funcionar como um espaço de retaguarda para pacientes que precisam de internamento em hospitais de alta complexidade mas que precisam esperar por isso upas quando não há vagas nos hospitais.

Os pacientes esperam que isso gere melhorias e menos tempo de espera na fila de internamento. as reclamações são as de sempre.



Relacionados

Cascavel | 23-08-2019 12:37

Dengue: Ano epidemiológico 2018/2019 fecha com 1.600 casos confirmados

Dengue: Ano epidemiológico 2018/2019 fecha com 1.600 casos confirmados

Curitiba | 23-08-2019 12:07

Direitos de migrantes e refugiados foram tema de encontro no MPPR

Direitos de migrantes e refugiados foram tema de encontro no MPPR

Curitiba | 23-08-2019 12:06

Deputados destacam os 100 anos da Organização Internacional do Trabalho

Deputados destacam os 100 anos da Organização Internacional do Trabalho

Curitiba | 23-08-2019 12:05

Copel recebe autorização para comercializar gás natural

Copel recebe autorização para comercializar gás natural

PUBLICIDADE