Taxa mínima da água: vereador organiza abaixo assinado digital

Redação Tarobá News
Cotidiano | Publicado em 11/01/2019 às 14:34

Foi lançado ontem a noite (10), um abaixo assinado digital, para fortalecer e incluir a população na discussão da proibição da taxa mínima da Sanepar.

O vereador Rômulo Quintino (PSL) protocolou na terça-feira (08), um projeto de lei para derrubar a cobrança feita pela Sanepar da taxa minima de água.

Ele afirma que a taxa é inconstitucional e desrespeita as regras de defesa do consumidor. Ele ainda destaca o artigo 1º "É proibida à concessionária do serviço municipal de abastecimento de água e de esgoto sanitário a fixação e a cobrança da taxa mínima de consumo de água e/ou esgoto no município de Cascavel". 

Atualmente, a tarifa para consumo de até 5 metros cúbicos de água, teto para se enquadrar na tarifa mínima, é de R$ 62,25 para unidades residenciais no estado. Cada metro cúbico equivale a mil litros.


CLIQUE AQUI E CONFIRA  O ABAIXO-ASSINADO VIRTUAL


Leia mais: 

Vereador quer extinguir a taxa mínima de consumo de água em Cascavel

Rômulo Quintino protocola lei que proíbe a cobrança mínima de água da Sanepar

Sanepar emite nota sobre cobrança mínima de água


ENVIE SUGESTÕES, NOTÍCIAS, FOTOS OU VÍDEOS PARA NÓS - ATRAVÉS DO WHATSAPP DO TAROBANEWS - 9.9147-1096.



Relacionados

Curitiba | 22-03-2019 18:40

Sanepar coleta óleo usado para lembrar da importância da água

Sanepar coleta óleo usado para lembrar da importância da água

Cotidiano | 22-03-2019 18:35

Maior complexo penitenciário do Paraná passa por obras de ampliação

Maior complexo penitenciário do Paraná passa por obras de ampliação

Cascavel | 22-03-2019 18:32

Carlinhos destaca reforma da Escola Aníbal Lopes, no Floresta

Carlinhos destaca reforma da Escola Aníbal Lopes, no Floresta

Cascavel | 22-03-2019 18:25

Rodocame inova com Facchini, Bridgestone e Firestone

Rodocame inova com Facchini, Bridgestone e Firestone

PUBLICIDADE