Velório é interrompido e família chama o IML para retirar corpo

Redação Tarobá News
Cotidiano | Publicado em 11/09/2019 às 08:21

Foto: Ilustrativa/Danilo Verpa/Folhapress

Nesta segunda-feira (9), um velório foi interrompido e o Instituto Médico Legal foi chamado para recolher o corpo que estava sendo velado. 

De acordo com informações da Polícia Civil de Jandaia do Sul, o idoso, de 79 anos, morreu no domingo (8). Enquanto era velado nesta segunda, familiares decidiram chamar a polícia por causa de ferimentos que o homem tinha no corpo.  

Segundo o hospital em que o homem estava internado quando morreu, em Apucarana, ele tinha caído de uma cama e, por isso, se feriu. No entanto, a família não convencida com a versão dada pelo hospital e acionou a polícia para investigar a situação, com suspeita de negligência. 

O IML de Apucarana, então, precisou recolher o corpo, que vai passar por necropsia. Agora, a polícia aguarda a conclusão do laudo do IML para instaurar um inquérito.


Fonte: GM Online



Relacionados

Cascavel | 18-01-2020 07:12

Corpo de Bombeiros combate incêndio em barracão

Corpo de Bombeiros combate incêndio em barracão

Cascavel | 17-01-2020 16:34

Cettrans/Transitar alerta para má-fé em portal de anúncio de leilões

Cettrans/Transitar alerta para má-fé em portal de anúncio de leilões

Cascavel | 17-01-2020 15:40

Relatório diário de pacientes aguardando leitos

Relatório diário de pacientes aguardando leitos

Londrina | 17-01-2020 15:35

Aeroporto de Londrina ultrapassa marca de 1 milhão de passageiros em 2019

Aeroporto de Londrina ultrapassa marca de 1 milhão de passageiros em 2019

PUBLICIDADE