Voos diários em Toledo tem decolado com 90% de sua capacidade

Redação Tarobá News
Cotidiano | Publicado em 17/05/2019 às 18:43

Fotos: Divulgação

O sonho dos voos comerciais no Aeroporto Luiz Dalcanale Filho, em Toledo foi realizado no início de 2019, mais precisamente no dia 09 de janeiro, com viagens entre Toledo e Curitiba e no itinerário contrário. No início os Voos da empresa Azul Linhas Aéreas eram apenas uma vez por semana. Desde o dia 03 de abril o Aeroporto passou a operar com voos diários, com exceção dos sábados.

Antes de operar com voos diários a maior preocupação das autoridades do município era se haveria demanda no Aeroporto com voos decolando para Curitiba e da capital para Toledo todos os dias, mas o que se viu nesses pouco mais de 40 dias foi que as aeronaves da Azul estão voando muito próximos de sua capacidade máxima. Os voos de Toledo com destino a Curitiba tem voado com 90% de sua capacidade, enquanto de Curitiba a Toledo a aeronave tem voado com 83% de sua capacidade.

O secretário de Desenvolvimento Econômico Tecnológico de Inovação e Turismo do município, Jozimar Polasso destaca que a quantidade de passageiros tem superado todas as expectativas.

“Havia um receio de que não haveria a demanda necessária para que os voos diários fossem mantidos por grande tempo, em Toledo. No entanto o que foi visto até o momento é o oposto. Os voos tem decolado com praticamente a sua capacidade máxima. Isso é muito importante, pois ratifica ainda mais que o aeroporto era uma demanda de extrema necessidade para a população de Toledo e região”, destacou o secretário.

O secretário ainda aponta que aos poucos o Aeroporto será cada vez mais importante para o desenvolvimento econômico da cidade de Toledo. 


Voos alternados


Na última terça-feira (14), o voo que vinha de Curitiba a Toledo teve que pousar em Cascavel por conta das condições climáticas. Outro caso semelhante havia acontecido anteriormente.

Jozimar Polasso salienta que a operação é visual pela falta de uma certificação da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). “A autonomia da decisão é única e exclusiva do comandante (piloto), que avalia as condições meteorológicas, tempo de espera em órbita e autonomia da aeronave. Isso é importante para a segurança dos passageiros”, informou.

O secretário ainda ressalta que desde que o Aeroporto começou a operar há cinco meses apenas dois voos tiveram que pousar em Cascavel.  “Estamos no 5° mês de operação no Aeroporto de Toledo, o 2° como voos diários e até agora dois voos foram alternados, devido às condições meteorológicas adversas. 93% das operações foram realizadas com sucesso, com média de 63 passageiros embarcados e 58 passageiros desembarcados, o que nos dá um preenchimento percentual da capacidade da aeronave de 90% e 83% respectivamente. O que demonstra o ótimo início dos vôos comerciais em Toledo”.


Horários

Durante o mês de maio de segunda a sexta-feira os voos estão saindo de Toledo às 13h15, com chegada em Curitiba prevista para às 14h50. O voo retorna de Curitiba às 15h25 com chegada, em Toledo prevista para às 16h50. Aos domingos os voos saem de Toledo às 09h40 com pouso, em Curitiba programado para às 11h15. A volta da capital será às 11h45, com chegada em Toledo às 13h10.


Passagens

As passagens podem ser adquiridas pelo site da Azul Linhas Aéreas. Para mais informações clique aqui. Os valores das passagens podem variar conforme as datas e vagas disponíveis e também com a quantidade de bagagem de cada passageiro.



Relacionados

Cascavel | 25-05-2019 12:43

Catarinenses vivem na estrada colecionando memórias de lugares

Catarinenses vivem na estrada colecionando memórias de lugares

Foz do Iguaçu | 25-05-2019 12:40

Moradores do Porto Belo reclamam da estrutura de UBS

Moradores do Porto Belo reclamam da estrutura de UBS

Cascavel | 25-05-2019 12:39

Pai conta em um misto de alegria e alívio sobre o parto do filho

Pai conta em um misto de alegria e alívio sobre o parto do filho

Ponta Grossa | 25-05-2019 10:26

Justiça Eleitoral cancela 4,4 mil títulos em Ponta Grossa

Justiça Eleitoral cancela 4,4 mil títulos em Ponta Grossa

PUBLICIDADE